Ação Integrada

Publicado em 23/03/17 às 19:22 | Atualizado em 23/03/17 às 19:22

Prefeitura de Olinda lança operação para disciplinar espaço urbano e oferecer mais segurança na orla

Trabalho visa coibir atividades irregulares no calçadão e na faixa de areia, reordenando o comércio. O efetivo de Guardas Municipais será duplicado, atuando com uso de tecnologia.

Por Marcilio Albuquerque

 

Olinda divulgou hoje o esquema para a realização de uma operação integrada de controle urbano na orla marítima da cidade. O trabalho vai envolver cerca de 100 profissionais de nove secretarias e beneficiar as praias de Bairro Novo, Casa Caiada e Rio Doce. A ação terá como finalidade promover o ordenamento do comércio informal, coibindo infrações de trânsito e, ainda, a ocupação indevida de calçadas e ciclovias. A medida também foca na segurança, com a disposição de um ônibus de videomonitoramento e a duplicação do efetivo da Guarda Municipal nos fins de semana, período em que é registrado o maior público. As atividades passam a compor um trabalho rotineiro, atendendo a antigas reivindicações da população.

A prefeitura vai executar o mapeamento dos quiosques e ambulantes, coletando dados pessoais e o tipo de atividade exercida. O enfoque está no melhor aproveitamento das áreas públicas para pedestres e banhistas, estabelecendo, inclusive, o número de dez mesas e 40 cadeiras para cada permissionário. Os espaços livres para circulação na areia também serão priorizados, evitando o acúmulo de lixo, a realização de eventos privados, além do fluxo de motocicletas e animais. O respeito aos níveis de volume na utilização de som também será observado. Neste primeiro momento, o trabalho assumirá um caráter de orientação, passando a gerar medidas punitivas, em caso de descumprimento.

É o caso da proibição da manipulação de alimentos na praia, assim como o preparo com o uso de botijões e fogareiros de qualquer porte. As inspeções também incluem as instalações indevidas de água e eletricidade, assim como a colocação de banheiros químicos sem autorização. De acordo com o secretário de Meio Ambiente Urbano e Natural, André Botelho, as medidas têm como propósito o resgate da beleza e bem estar da orla, assim como a manutenção do clima de paz. “Realizamos diversas reuniões, ouvindo moradores, comerciantes e todos que desfrutam das nossas praias. Nosso papel é de garantir um ambiente de lazer convidativo e seguro para todos”, disse.

Segurança

O aporte de segurança contará com o aumento do efetivo da Guarda Municipal, que salta de seis para 12 guardas, aos sábados e domingos. Uma unidade móvel, equipada com câmeras de videomonitoramento, também será instalada na praça Duque de Caxias, nas proximidades do antigo quartel da Polícia do Exército, em Bairro Novo. O secretário de Segurança Urbana de Olinda, Coronel Pereira Neto, acrescenta que a operação também contará com a parceria da Polícia Militar. “Os guardas vão atuar em viaturas e também a pé, além do acréscimo do motopatrulhamento. O nosso compromisso é de garantir uma resposta rápida para cada cidadão”, destacou.

print