Destaque

Publicado em 31/03/17 às 10:12 | Atualizado em 31/03/17 às 10:12

Comitê Gestor discute ação integrada para disciplinar espaço urbano da orla de Olinda

A reunião ocorre uma vez por mês entre poder público e sociedade civil

Por Juliana Nascimento

Foto: Thiago Bunzen/ Prefeitura de Olinda

 

A Secretaria de Meio Ambiente Urbano e Natural de Olinda promoveu esta semana mais uma reunião do Comitê Gestor da Orla, na sede do órgão, na Estrada de Bonsucesso. Entre os temas debatidos: o resultado do início do reordenamento da orla, ação que ocorreu no último fim de semana em operação conjunta com outras secretarias, a avaliação de novas portarias, já que a última é de 2011, e criação de normas para padronizar o espaço. Estiveram presentes no encontro representantes de todas as secretarias de Olinda, da Secretaria do Patrimônio da União (SPU), barraqueiros, moradores, ambulantes, bombeiros e policiais militares.

Nesta última reunião ficou definida a continuidade da fiscalização e o levantamento de informações como: quantidade de barraqueiros, mesas, cadeiras e se os trabalhadores já possuem algum cadastro.

No resultado da primeira ação de ordenamento da orla foi avaliado que atualmente há 46 barracas, 20 a mais do que em 2015. Também foi constatado que cerca de 90% dos que comercializam não são as mesmas pessoas que há dois anos atuam na área.

Os encontros da equipe do comitê acontecem uma vez ao mês com objetivo de organizar o planejamento na praia e colocar em prática medidas para reestruturar o espaço público de lazer e de trabalho.

No Comitê também ficou decidido que será apresentado até o fim de abril um novo cadastro socioeconômico referente aos trabalhadores da orla da cidade. “Essa reunião foi bem proveitosa. Olinda precisa se organizar para dar melhor qualidade de vida e de espaço para as pessoas que curtem e trabalham nas praias”, ressaltou o Secretário de Meio Ambiente Urbano e Natural, André Botelho.

print

Tags desta notícia: , , , , ,