Destaque

Publicado em 27/07/17 às 15:58 | Atualizado em 27/07/17 às 15:58

Conferência de Assistência Social em Olinda foi marcada por debates entre população e Conselho Municipal

O encontro também definiu o grupo que irá representar o município na Conferência Estadual

Por Natália Catarina

À tarde do último dia da XI Conferência Municipal da Assistência Social de Olinda foi marcada por discursões para definir Grupos de Trabalhos que construíram, no mínimo, cinco propostas de deliberação para os Eixos que foram debatidos. Após o debate, os projetos foram votados pelos delegados, visando à definição das deliberações finais que serão encaminhadas para o Estado. A Plenária Final deve resultar em 10 deliberações para Olinda.

Os Eixos estavam divididos em:

Eixo 1: A proteção social não-contributiva e o princípio da equidade como paradigma para a gestão dos direitos socioassistenciais;

Eixo 2: Gestão Democrática e Controle Social: o lugar da sociedade civil no SUAS;

Eixo 3: Acesso às seguranças socioassistenciais e a articulação entre serviços, benefícios e transferência de renda como garantias de direitos socioassistenciais;

Eixo 4:  A legislação como instrumento para uma gestão de compromissos e corresponsabilidades dos entes federativos para a garantia dos direitos socioassistenciais.

No último dia também foi divulgado o comitê que irá representar o município na XII Conferência Estadual de Assistência Social, sendo 20 delegados divididos entre 10 titulares e 10 suplentes.