Saúde

Publicado em 05/07/17 às 17:27 | Atualizado em 05/07/17 às 17:30

Olinda sedia projeto piloto sobre saúde do trabalhador em postos de combustíveis

Reuniões visam discutir estratégias para inibir riscos aos trabalhadores e população do entorno dos postos

Por Pedro Morais

Reunião definiu diretrizes das próximas ações voltadas à saúde do trabalhador em Olinda. Foto: Secretaria de Saúde de Olinda.

Pioneira em promover capacitação sobre os cuidados às pessoas que trabalham próximas aos postos de combustíveis, Olinda realizou, nesta terça-feira (4), na Diretoria de Vigilância de Saúde (DVS), um encontro com representantes de segmentos envolvidos. A reunião teve o objetivo de discutir estratégias e diretrizes para iniciar as visitas com ações educativas voltadas à vigilância saúde do trabalhador em postos de combustíveis em Olinda.

 

Na semana passada (27 a 29 de junho), o curso Vigilância de Ambientes e Processos de Trabalho em Postos de Revenda de Combustíveis (PRC) com Ênfase no Benzeno foi realizado na Faculdade de Medicina de Olinda, com apoio da Secretaria Estadual de Saúde (SES) e Fundacentro.

 

“Devido a identificação de riscos, como ruídos, explosões, trânsito e substância cancerígena existentes nesse ambiente, que expõe a saúde do trabalhador e da população vizinha, vamos convidar as secretarias de Controle Urbano e Meio Ambiente para participarem dos próximos encontros, pois são assuntos pertinentes ao tema em pauta”, enfatizou a diretora da DVS, Mariurcha Dantas.  

 

Participaram do encontro técnicos da Vigilância em Saúde de Olinda (gerências das coordenações de Resíduos Sólidos, Alimentos, Vigilância Sanitária e Política Saúde do Trabalhador), e representantes da SES e Sindicato dos Trabalhadores em Postos de Combustíveis do Estado.    

 

Por ter promovido o curso, Olinda foi o município escolhido para sediar essa segunda etapa com um projeto piloto de ações preventivas e educativas.