Notícias

Aspectos sociais da população negra são tema de formação para profissionais da saúde de Olinda

Doença falciforme e preconceito foram assuntos pontuais nos debates da capacitação

Publicado por: Redação da Secom, em: 11/06/19 às 18:23

Texto e fotos: Pedro Morais

Profissionais da Prefeitura de Olinda tiveram a oportunidade de acompanhar um curso de Saúde Pública com foco na população negra. A formação foi oferecida aos servidores das redes de Atenção Básica, Especializada e da Diretoria de Políticas Estratégicas da saúde municipal. A formação é resultado de uma junção de esforços da Escola de Saúde Pública de Pernambuco, Fiocruz, em articulação com apoio da Coordenação Estadual em População Negra, envolvendo as áreas técnicas de Olinda, Jaboatão e Ipojuca. As atividades de qualificação foram encerradas nesta segunda-feira (10.06).

A capacitação, que aconteceu durante cinco sextas-feiras, das 8h às 17h, no auditório da Policlínica João Barros Barreto, Carmo, teve duração de 60 horas/aula semipresencial. As tutoras do projeto Itinerário do Saber, Ângela Pereira e Magda Figueiroa, ministraram a formação. “Vivemos numa população com aspectos negros e dentro desse contexto estamos evidenciando as questões sociais como, por exemplo, o preconceito, políticas afirmativas (cotas) e também com relação à saúde. A formação em Olinda foi proveitosa, rica e com adesão e discussões interessantes sobre o tema proposto”, enfatizou Ângela Pereira.

“Desmistificar a questão do preconceito racial, sobretudo, da aprendizagem quanto às normas da doença falciforme e outras doenças, ampliando o conhecimento do raça/cor e transformando os profissionais em agentes multiplicadores desse conhecimento”, pontuou a diretora das Políticas Estratégicas da Saúde de Olinda, Rita Ribonesa Lopes.

A coordenadora da População negra em Olinda, Carmem Cavalcanti, expressou o sentimento de realizar a formação no município. “Esse curso foi um ganho muito grande para os profissionais, elevando os conhecimentos e cuidados com a saúde e aspectos sociais da população negra no município”, explicou informando que o resultado final visa implementar um projeto de intervenção dentro do município com ações voltadas ao público negro.

Este slideshow necessita de JavaScript.

%d blogueiros gostam disto: