Notícias

Aulas de História e Arquitetura para trabalhadores da Biblioteca Pública de Olinda

O objetivo é valorizar os colaboradores do equipamento através do pertencimento ao local de trabalho

Publicado por: Redação da Secom, em: 03/07/19 às 18:09
Por: Sandro Barros / PMO

O agente literário, escritor, artista plástico e professor da rede pública municipal há 15 anos,  João Cavalcanti Ribeiro facilitou a palestra, que teve como público principal os trabalhadores da biblioteca – Foto: Sandro Barros / PMO

Entender a sua história é conhecer suas origens, é perceber e valorizar quem somos e para onde vamos. Nesta perspectiva a Secretaria de Educação, Esportes e Juventude de Olinda, por meio da Biblioteca Pública realizou na tarde desta quarta-feira (03.07) uma palestra intitulada “História do Casarão 100 e a Biblioteca Pública Municipal de Olinda”, que contou a história e as transformações da paisagem ao redor deste prédio, que é a primeira biblioteca de Pernambuco, a 5ª do Brasil. 

O agente literário, escritor, artista plástico e professor da rede pública municipal há 15 anos,  João Cavalcanti Ribeiro facilitou a palestra, que teve como público principal os trabalhadores da biblioteca. O objetivo é valorizar os colaboradores do equipamento através do pertencimento ao local de trabalho, bem como conhecer e entender a história do local. “Conhecer a história possibilitará um atendimento mais eficaz aos usuários e turistas, fortalecendo a importância deste equipamento no cenário cultural da Cidade”, destaca uma das gestoras, Lívia Álvaro. 

Colaboradores da biblioteca pública de Olinda recebem formação continuada e reuniões periódicas de planejamento e avaliação – Foto: Sandro Barros / PMO

Criada em 1830 por meio de um decreto imperial de Dom Pedro I, a atual biblioteca teve sua primeira alocação no Convento de São Francisco. Este patrimônio tem uma arquitetura singular dentro do sítio  histórico em Olinda. Em 09 de dezembro de 2019, a biblioteca completa 189 anos de história e tradição. Mantendo um acervo de mais de 22 mil livros com destaque para escritores locais. O conjunto é rico em obras de literatura nacional e portuguesa. 

“Em nossa palestra sempre buscamos resgatar a história do prédio e da biblioteca. Esta obra, no estilo sobrado, é uma das primeiras casas de Olinda. Até hoje encontramos poucas na cidade. A biblioteca de Cascais, cidade localizada na área metropolitana de Lisboa em Portugal tem exatamente as mesmas escadas, sendo um pouco menor, deduzo que o engenheiro da época construiu lá é o mesmo que construiu aqui, tanto que os portugueses chamavam Olinda de pequena Lisboa” aponta o mestre em educação e professor, João Ribeiro.

Biblioteca Pública de Olinda – Foto: Sandro Barros / PMO

Biblioteca Pública de Cascais, Lisboa – Portugal – Foto retirada da Internet

 

 

 

 

 

 

 

 

Atualmente a biblioteca passa por uma reforma estrutural, será construída uma sementeira em seu jardim, além disso prevê uma série de ações para consolidar este equipamento cultural em um espaço de transformação social. Sua gestão é compartilhada entre a Secretaria de Educação, Esportes e Juventude em conjunto com a Secretaria de Patrimônio e Cultura de Olinda. 

“Resgatar a cultura e valorização da leitura, na busca da transformação social, através de um plano de ação, envolvendo as escolas do município, desta forma nortearemos nossas ações durante a nossa gestão” afirma Lívia Álvaro. 

%d blogueiros gostam disto: