Notícias

CAIC de Peixinhos terá ensino integral em Olinda a partir de 2020

Anúncio foi feito pelo prefeito Professor Lupércio durante o “Olinda socializa os avanços da Educação 2017-2019”

Publicado por: Redação da Secom, em: 20/11/19 às 18:34

Por: Pedro Paulo Catonho

A partir de 2020, a Escola Municipal Professora Norma Coelho – CAIC, em Peixinhos, terá ensino integral para 500 alunos. A informação foi dada pelo prefeito Professor Lupércio durante o evento “Olinda socializa os avanços da Educação 2017-2019”, que reuniu gestores, técnicos e professores da Secretaria de Educação, Esportes e Juventude para um balanço desses quase três anos da pasta. O encontro recebeu cerca de 300 pessoas e foi realizado no Teatro Beberibe, no Centro de Convenções, Olinda.

A reunião começou com uma apresentação dos alunos da Escola Sagrado Coração de Jesus (Amaro Branco), o grupo Kanteatro, com a peça “Casamento da Princesa”, uma bela mensagem de reflexão no Dia Nacional da Consciência Negra. Na sequência, o secretário de Educação, Paulo Roberto Souza Silva, detalhou os números das ações realizadas pela gestão.

Destaque para o crescimento no número de alunos matriculados (22 mil em 2016 para 25 mil atualmente), ampliação no número de escolas (65 em 2016 para 72 hoje), mais três ônibus para transporte dos alunos e três escolas de ensino integral. Também merece destaque o crescimento da aprovação dos alunos (82% em 2016 para 90% em 2018) e redução do abandono escolar (5% em 2016 para 2% atualmente).

“Gostaria de agradecer todos que fazem parte desse desenvolvimento da cidade. Há três anos, não tínhamos escolas climatizadas, e nenhuma com tempo integral. Hoje 100% das creches e 50% das escolas têm ar-condicionado. Temos três escolas com tempo integral, e o CAIC será a quarta”, anunciou o prefeito Professor Lupércio.

Paulo Roberto ainda mostrou as missões da secretaria, visão do futuro, valores, eixos estruturais, programas de alfabetização, programas de permanência na escola com êxito na aprendizagem, fortalecimento da educação inclusiva, política de profissionalização e projetos de vida. O educador apontou também o aumento de alunos da rede municipal no Centro de Educação Musical de Olinda (de zero em 2016 para 40% em 2019), reajuste do piso salarial de 2017 a 2019, requalificação da rede física (destaque para 24 escolas e a biblioteca), 100% de estudantes com fardamento, implantação da casa de conselhos, entre outros.

“Olinda cresceu muito em educação, lazer, esportes e juventude. Nossa Vila Olímpica tem outra cara, com piscina nova, quadras requalificadas. Atendemos quase 2 mil crianças por lá, está aberta para a comunidade. Nosso estádio Grito da República foi requalificado, estamos com obras no Olindão, vem novidade em breve no Caenga”, disse o secretário executivo interino de Esportes e Juventude, Sérgio Santos.

Atualmente, o município conta com 1181 professores efetivos, 664 contratados e 342 estagiários.

Este slideshow necessita de JavaScript.

%d blogueiros gostam disto: