Notícias

Carnaval de Olinda valoriza a tradição da cultura popular

Durante os quatro dias de festa, se apresentaram 39 atrações vindas de todo estado de Pernambuco, sobretudo dos bairros de Olinda

Publicado por: Redação da Secom, em: 06/03/19 às 18:05
Por: Sandro Barros / PMO

Maracatus de Baque Virado, Baque Solto, Afoxés, Coco, Samba Reggae, Capoeira, Frevo de Rua, Frevo de Bloco, Caboclinhos, Bumba – Meu Boi. Todos os ritmos, cores e personagens desfilaram pela passarela da cultura popular e tradicional pernambucana, no polo Mestre Afonso Aguiar, localizado no Varadouro. Mestre Afonso, que ficou à frente do Maracatu Leão Coroado por 22 anos, até se encantar no ano passado.

Passista de Frevo da Companhia Brasil por Dança, no Polo Mestre Afonso. Foto: Sandro Barros / PMO

“É uma sensação indescritível, ter meu avô como homenageado do polo da cultura popular do carnaval de Olinda, porque eu sei o quanto ele era importante no brinquedo de maracatu”, falou Karen Aguiar, neta de Mestre Afonso.

 

Bailarina do Afoxé Filhos de Dandalunda representando Oxum no Palco Mestre Afonso. Foto: Sandro Barros / PMO

A sabedoria dos mestres e mestras foram prestigiados pelo público presente, durante os quatro dias de festa, com 40 atrações, 21 horas de apresentações, cerca de 2.000 (dois mil) artistas vindos de todo estado de Pernambuco, sobretudo de diversos bairros de Olinda. Entre as atrações: Afro Senzala (Amaro Branco); Batá Kossô (Santa Tereza); Afoxé Babá Orixalá Fun Fun (Guadalupe); Maracatudo Camaleão (Varadouro), Nação Pernambuco, Clube Elefante de Olinda, Maracatu Rural Leão Misterioso de Nazaré da Mata, Grupo Afro Magê Molê(Peixinhos); Bloco das Flores e o Maracatu Piaba de Ouro (Cidade Tabajara), que encerrou o carnaval desfilando com mais de 200 integrantes, na noite da terça-feira de carnaval (05.03).  

Este slideshow necessita de JavaScript.

%d blogueiros gostam disto: