Notícias

Cidade Tabajara recebe 4.ª edição do Saúde nos Terreiros

A atividade no município é pioneira

Publicado por: Redação da Secom, em: 12/09/18 às 12:18

Texto e fotos: Gessyca Wanderley

Este slideshow necessita de JavaScript.

Moradores do bairro de Cidade Tabajara, em Olinda, receberam a 4ª edição da Ação Saúde nos Terreiros. A programação foi promovida no Terreiro de Pai Brivaldo – Ilê Axé Ogodô. O evento foi promovido nesta terça-feira (11.09), das 9h às 12h. A iniciativa é resultado de uma parceria das secretarias de Saúde e de Desenvolvimento Social, Cidadania e Direitos Humanos.

No local foram oferecidos serviços como aferição de pressão arterial, testes rápidos de HIV, Sífilis e gravidez, além de mamografia de rastreamento (mulheres de 50 a 69 anos). Houve ainda consulta com um clínico geral, orientação nutricional e saúde bucal.

Também houve a emissão do Vem de Livre Acesso, cartão de estacionamento para idosos e pessoas com deficiência, certidão de nascimento e o registro no Cadastro Único (CadÚnico). Foram realizadas ainda atividades de orientação jurídica e prevenção ao suicídio.

Brivaldo de Xângo, como é conhecido, destacou a importância do trabalho. “É importante que ocorram essas ações, porque muitas vezes as pessoas não conhecem sobre a anemia falciforme, não tem certos conhecimentos como o direito do estatuto do idoso, a comunidade às vezes é muito carente”, disse.

Ele destacou ainda sobre o preconceito. “A ação também faz com que as pessoas vejam o terreiro como um espaço de saúde e de serviço social. Independente do apoio da prefeitura, o terreiro já promove saúde e iniciativas sociais na comunidade. Essa parceria com a prefeitura é muito importante”, pontuou.

A coordenadora de Atenção à Saúde da População Negra e Pessoa com Deficiência, Carmem Cavalcanti, explicou a ação. “A atividade tem como propósito promover o cuidado integral da saúde da população e realizar ações de promoção social”.

A secretária executiva de Atenção e Vigilância em Saúde de Olinda, Zelma Pessôa, enfatizou a saúde e o reconhecimento dos terreiros. “É  uma ação pioneira de Olinda e extremamente importante, porque reconhece o terreiro enquanto espaço de saúde, a coletividade de matriz africana como sendo uma população de referência, considerando que Olinda tem o terreiro Quilombo Urbano, na verdade, o mais antigo das Américas. O trabalho marca o compromisso da gestão com toda a população”.

O evento também promoveu ações de desratização na localidade e vacinação antirrábica.

%d blogueiros gostam disto: