Notícias

Dia de Cidadania no Bairro em Olinda

Olinda recebe projeto que inclui a prestação de serviços nas áreas de assistência social, cidadania e direitos humanos

Publicado por: Secom, em: 17/04/13 às 13:09
Ação da Cidadania realizada na Escola Mascarenhas de Moraes, no dia 06/04, no bairro de Ouro Preto. Foto: Ádria de Souza/Pref.Olinda

Ação da Cidadania realizada na Escola Mascarenhas de Moraes, no dia 06/04, no bairro de Ouro Preto. Foto: Ádria de Souza/Pref.Olinda

A Prefeitura Municipal de Olinda, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, Cidadania e Direitos Humanos (SDSCDH), lança nesta quarta feira 17 de abril, a partir das 9h, na escola Municipal Marcos Freire, o projeto Dia de Cidadania no Bairro.

O Alto do Sol Nascente, em Olinda, foi escolhido como bairro piloto do projeto Dia de Cidadania no Bairro, e será contemplado com quatro ações, nos meses de abril e maio do ano em curso.

A Secretaria Executiva de Assistência Social da SDSCDH reinicia seu programa de atendimento itinerante, levando à população do bairro contemplado uma vez por quinzena, durante dois meses, os seguintes serviços: atendimento e encaminhamento ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS); cadastramento e recadastramento no Programa Bolsa Família, com foco na Tarifa Social de Energia Elétrica e Abastecimento de Água e Carteira Interestadual do Idoso; inscrições no ProJovem Adolescente, no Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI), no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC); atendimento do Centro de Referência da Mulher, da Ouvidoria da Mulher e do setor de documentação para obtenção de carteira de livre acesso nos transportes coletivos.

O projeto Dia de Cidadania no Bairro é uma das ações do Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF), que consiste no trabalho social continuado com famílias, e visa fortalecer a função protetiva das famílias exercida pela Prefeitura de Olinda e Secretaria de Desenvolvimento Social, Cidadania e Direitos Humanos. Com isso, previne a ruptura de vínculos familiares e a promoção do acesso ao usufruto de direitos, o que contribui com a melhoria da qualidade de vida das famílias, e fortalece a sua inserção na comunidade.

%d blogueiros gostam disto: