Notícias

Em Olinda, animais abandonados são recolhidos das ruas

Novo espaço de acolhimento conta com instalações modernas e o acompanhamento de veterinários

Publicado por: Redação da Secom, em: 09/02/21 às 17:47

A Prefeitura de Olinda segue com o serviço de recolhimento de animais de médio e grande porte, abandonados irregularmente nas vias públicas. Nesta terça-feira (09.02), foram apreendidos mais três cavalos, que estavam soltos nas imediações da Avenida Pan Nordestina, no bairro do Guadalupe; além da Rua São Miguel, no Amaro Branco. Ambos foram recolhidos para a base, localizada no bairro de Ouro Preto, na Zona Rural do município.

O novo Centro de Acolhimento Animal de Olinda conta com instalações amplas e modernas, capazes de oferecer alimentação, tratamento e todo o conforto necessário, dispondo de médicos veterinários e demais profissionais especializados. O trabalho de retirada inclui cavalos, bois, vacas, jumentos, entre outros, que estejam circulando ou acomodados nas ruas, avenidas, praças e demais áreas urbanas, oferecendo riscos para sua integridade, além da ameaça de acidentes para pedestres e condutores de veículos.

Para acionar o serviço, a população pode entrar em contato por meio do número 3439-5535, que opera de segunda a sexta-feira, no horário das 7h30 às 13h30.

Os responsáveis pelos animais terão um prazo, de até cinco dias, para se dirigir até a Secretaria da Fazenda de Olinda, localizada no Varadouro, para realizarem a solicitação de retirada. O procedimento inclui o pagamento de uma taxa, correspondente ao código tributário do município. Aqueles que não forem procurados serão tratados e, após o devido cadastro, doados para instituições públicas ou filantrópicas.

A Prefeitura de Olinda, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Planejamento Urbano, mantém, de forma rotineira, as ações de conscientização com a população para que não abandonem os animais, alertando sobre maus-tratos e os demais pontos previstos na legislação. As pessoas reincidentes nesta prática já vêm sendo identificadas, por meio de um trabalho de fiscalização em diversos pontos da cidade.

Este slideshow necessita de JavaScript.

%d blogueiros gostam disto: