Notícias

Escola Iracema Pires, em Aguazinha, realiza a sua I Feira Literária

160 crianças desenvolveram apresentações baseadas na leitura de clássicos da Literatura Infantil

Publicado por: adminolinda, em: 26/08/14 às 10:49

estudo-portal-facebook---educacao---26-08-2014A Escola Municipal Iracema Pires, situada no bairro de Aguazinha, realizou, nesta quinta-feira (21), a sua I Feira Literária. Cento e sessenta crianças, do 1° ao 5° ano do Ensino Fundamental, apresentaram, nos períodos da manhã e da tarde, os frutos de um trabalho, desenvolvido há três meses, juntamente, à equipe docente. Sob o tema “Viajando no Mundo da Leitura e da Escrita”, a Feira é a culminância de um projeto que possui o mesmo nome.

Cada turma trabalhou um viés do tema geral dando a oportunidade, aos alunos, de conhecerem vida e obra de grande escritores da Literatura Infantil. O 1° ano fez apresentações com Contos de Fada. Clássicos como Cinderela, Chapeuzinho Vermelho, O Patinho Feio e Os três porquinhos foram revividos pelas crianças que se fantasiaram e contaram um pouco das histórias através dos cartazes que ajudaram a confeccionar. O 2° ano trabalhou o tema “Criando e recriando as obras de Ziraldo”. A turma preparou um texto para ser dito em uníssono sobre a vida do escritor que tem cerca de 100 obras publicadas. Também, expuseram algumas dessas obras como O Bebê que Sabia Brincar e O Menino Maluquinho.

A turma do 3° ano desenvolveu o tema “A leitura e a escrita na imaginação de Monteiro Lobato”. Como não poderia faltar, a principal obra desse autor, o Sítio do Picapau Amarelo, foi ilustrada com muito zelo pela meninada que se fantasiou e produziu desenhos baseados na história. O 4° ano navegou pela história da Turma da Mônica, de Maurício de Souza, e até confeccionou seus próprios gibis. A aluna Vivian Kailane Xavier Dias, 10, que se fantasiou de Mônica, fala sobre o que achou da Feira. “Muito bom. Aprendi coisas muito legais. A Mônica é esperta e anda sempre agarrada com seu coelho, o Sansão”, diz ela.

A secretária executiva de Políticas e Programas Educacionais, Edineide Cesar, foi prestigiar o trabalho dos alunos. “Atividades pedagógicas como essa são muito importantes para a escola e para os alunos. Aqui, eles estão trabalhando a leitura, a interpretação de textos, percepção, compreensão e a reprodução plástica de tudo isso. Então, é um incentivo para que eles continuem a ler. Fiquei feliz por ver a maioria deles indo bem na leitura”, diz ela.

“Para nós, é gratificante ver esse trabalho acontecendo, aqui na escola, porque é um esforço de três meses de professores e alunos. O todo, para mim, se tornou perfeito pela ascensão dessas crianças que querem participar e interagir. Elas ficam felizes com isso. Outro ponto positivo é a boa interação das professoras com eles”, explica a diretora da Escola Iracema Pires, Emanuela Araújo. “Está sendo muito satisfatório ver o resultado deste trabalho porque as crianças estão se sentindo valorizadas e pelo esforço das professoras terem abraçado a causa. Percebi que, no desenvolvimento deste projeto, os alunos melhoraram a leitura e a escrita por ser uma maneira diferente e atraente para aprender”, explica a vice-diretora da escola, Adaílza Melo.

À tarde, a turma do 5° ano, da professora Daísa Santos, apresenta o cordel Minha Escola, Meu lugar!, escrito e confeccionados por eles.

O Projeto

Iniciado em maio deste ano, surgiu da necessidade da construção de um trabalho voltado para a alfabetização e ao letramento. O objetivo é despertar, nos alunos, o interesse pela leitura, alavancando e fortalecendo o processo de aprendizagem. A próxima feira está programada para o ano que vem.

Veja Mais

%d blogueiros gostam disto: