Notícias

Final da Copa Olinda de Futebol Amador 2015 levou emoção ao Olindão

Partidas disputadas no último domingo (13), definiram os três melhores times da competição. Atlântico de Salgadinho como foi o grande campeão

Publicado por: Secom, em: 18/09/15 às 17:25
Foram realizados 156 jogos, com 960 atletas de 32 equipes, e de 20 bairros da cidade. Foto: Ana Beatriz/Copa Olinda

Foram realizados 156 jogos, com 960 atletas de 32 equipes, e de 20 bairros da cidade. Foto: Ana Beatriz/Copa Olinda

No último domingo (13) ocorreram as partidas finais da Copa Olinda de Futebol Amador 2015, no Estádio Eugênio Araújo, o Olindão, em Jardim Brasil.

Desde maio desse ano, times de várzea do município disputaram o troféu do torneio, organizado pela Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude do município, e que é jogado na categoria sub-23. Foram realizados 156 jogos, com 960 atletas de 32 equipes, e de 20 bairros da cidade.

“O prefeito Renildo Calheiros sempre pediu para a gente resgatar o futebol de várzea em Olinda. Daí o propósito da competição, onde pudemos revelar alguns atletas, além de obviamente resgatar a prática. Já temos jovens participando do campeonato da Federação, na categoria sub-23, alguns deles contratados pelo Ipojuca, e um atleta que foi jogar no Santo André”, disse Sérgio Santos, orgaizador da Copa Olinda de Futebol Amador 2015.

A disputa pelo terceiro lugar começou às 14h, e foi entre o Atlântico (de Jardim Atlântico) e o União e Força (de Aguazinha), que venceu a partida. Com 2 x 2 no tempo regulamentar, restou decidir a partida nos pênaltis.

Já na grande final, houve um jogo disputadíssimo entre o time do Atlântico (de Salgadinho) e o Desportivo Maria do Carmo (de Rio Doce), que terminou o tempo regulamentar em 1 x 1. Nos pênaltis, o time do Atlântico sagrou-se campeão da Copa Olinda de Futebol Amador 2015.

Como se já estivesse prevendo o resultado, o jogador Willian Gibson, do Atlântico de Salgadinho, falou sobre a expectativa: “a importância é grande. Principalmente para os meninos mais novos do nosso grupo. Meninos do bairro, que estão correndo atrás. Há dois anos chegamos na final, mas não deu certo. Mas esse ano, se Deus quiser, vamos conseguir”, disse.

Opinião reforçada por outro atleta do time. “A equipe está bem preparada, estamos focados desde o início do campeonato, com todo mundo querendo ser campeão, mas campeão hoje, vai esse grupo aqui. São dois anos batendo na trave, mas esse ano é o ano do Atlântico”, disse o jogador Ricardo Fumaça.

Estádio Eugênio Araújo – O Olindão era apenas um campo de barro batido, e foi reformado e reinaugurado em 2010. Em 2013, recebeu novas instalações: o número de arquibancadas aumentou para cinco mil lugares, ganhou cabines de imprensa, e conta também com lanchonete, vestiário, bilheteria, sala para juízes e novos acessos para visitantes e jogadores.

%d blogueiros gostam disto: