Notícias

Fliporto celebra cultura digital

Arte e ciência marcam a quarta edição do polo tecnológico da Festa Literária Internacional de Pernambuco

Publicado por: Secom, em: 08/11/10 às 14:00
Evento trará duas oficinas de Web 2.0 com foco em e-books e edição de vídeos. Arte: Fliporto

Evento trará duas oficinas de Web 2.0 com foco em e-books e edição de vídeos. Arte: Fliporto

Pioneirismo, interatividade e democratização no acesso ao meio virtual. Com este propósito, nasceu, em 2006, a Fliporto Digital, este ano instalada na Biblioteca Pública de Olinda. O objetivo é divulgar e valorizar obras literárias e escritores virtuais, assim como demais interessados no meio digital. A abertura da quarta edição da Fliporto Digital será feita pelo curador da Fliporto, o escritor Antônio Campos, que inaugura a exposição virtual e interativa “Olinda, Traços do Passado, Cores do Presente”.

De acordo com a professora de Literatura Brasileira e coordenadora da Fliporto Digital, Cláudia Cordeiro, o núcleo possui um diferencial em relação a outros eventos da área: não se trata de tecnologia apenas, mas aborda o uso dela em apoio à arte, em especial literatura. “A partir das oficinas vamos possibilitar que os escritores virtuais possam editar e comercializar seus e-books. O conhecimento oferecido pelo projeto não é só abstrato, é algo que pode ser utilizado na prática”, explicou a coordenadora.

Esta edição irá trazer duas oficinas de WEB 2.0 ministradas por Lídia Freitas e Izabel Grizzi, diretoras do setor técnico da Microsoft em Pernambuco, sendo uma direcionada para escritores virtuais que desejam editar e comercializar seus e-books, e a outra voltada para a edição de vídeos.

Há ainda uma programação de conferências que será iniciada com o cientista-chefe do Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (C.E.S.A.R), Sílvio Meira, que tratará sobre Mídia Social. Membro da Academia de Letras do Distrito Federal, o escritor Antônio Miranda abordará os Direitos Autorais e Internet. No penúltimo dia de palestras, será a vez da jornalista Sílvia Valadares expor problemáticas e benefícios da relação entre Jornalismo e Internet. Por fim, o especialista em Tecnologia da Informação (TI), Manoel Veras, encerrará o ciclo de palestras com a mesa sobre Tecnologia e Comunicação.

Para democratizar o acesso ao conteúdo e divulgar as ações promovidas pela Festa, a Fliporto Digital fará a transmissão ao vivo, em vídeo, da programação das conferências do congresso literário da Fliporto.

Interatividade – Este ano, a Fliporto Digital contará com dois espaços direcionados para exposições interativas. Em um deles, será possível folhear, virtualmente, e-books. No outro, haverá exibição de fotos da cidade de Olinda feita a partir de um computador HP touch, que possibilita a interação com o meio virtual através do toque e projeta, em telões, as imagens selecionadas pelo contato manual.

Os e-books disponíveis durante o evento serão “Os cem melhores do TOC140”, resultado do prêmio realizado pela Fliporto, “Clarice Lispector: Uma geografia fundadora”, de Antônio Campos, e “Pernambuco, Terra da Poesia”, escrito por Antônio Campos e Cláudia Cordeiro.

Tecnologia de ponta – O estande do Mix Leitor D deve atrair a atenção dos amantes de produtos high-tech. Lá o público poderá conhecer o primeiro leitor eletrônico de livros nacional. Ele ficará disponível durante os quatro dias da festa na Fliporto Digital. As transmissões ao vivo e as inscrições gratuitas para a oficina WEB 2.0 serão feitas pelo site.

Serviço:

Programação completa no site do evento, através do link: http://www.fliporto.net/fliporto%20digital.html

%d blogueiros gostam disto: