Notícias

Gestores da Educação de Olinda recebem capacitação sobre prestação de contas

O curso contou com aula do gerente de Pessoa Jurídica do Banco do Brasil

Publicado por: pedropaulo, em: 14/06/18 às 20:00

Por Pattricia Viviane e Pedro Paulo Catonho

Foto: Maíra Correia/ Prefeitura de Olinda

É muito difícil conseguir ganhar dinheiro e guardá-lo de forma contínua sem aprender o que é educação financeira. Quanto mais jovem se conscientizar em relação a isso, mais fácil será o controle quando a criança alcançar a fase adulta. Sobre a importância de levar o assunto às escolas e diretorias, os 65 gestores das escolas vinculadas à Prefeitura de Olinda se reuniram nesta quinta-feira (14.06) para a  II Capacitação Financeira sobre a Execução de Programas Educacionais da Rede de Ensino. As aulas ocorreram na Faculdade Joaquim Nabuco, em Casa Caiada.

Ministradas pelo Departamento Financeiro da Secretaria de Educação e pela Gerência de Relacionamento de Pessoas Jurídicas do Banco do Brasil, representado por André Miranda, a Capacitação Financeira abordou a prestação de contas de recursos; gerenciador financeiro do Banco do Brasil; atas do conselho escolares, planejamento de execução do PDDE – Programa Dinheiro na Escola; acessibilidade e conectividade. Toda a rede municipal de ensino de Olinda participa da capacitação com o objetivo de que todas as unidades escolares  possam fechar 2018 sem pendência alguma.

De acordo com o diretor financeiro da Secretaria de Educação da cidade, Alexandre Souza, estes encontros serão cíclicos, e darão uma continuidade ao plano de ação a aplicação de ações positivas na educação. “Aqui trabalhamos temas para atualizar o gestor financeiro, quais os atos que devem ser tomados pelos conselhos escolares. No segundo semestre, vamos promover encontros regionalizados para programas educacionais. Será uma capacitação permanente”, declarou.

Uma das participantes da capacitação, a gestora das escolas Sagrado Coração de Jesus (Amaro Branco) e Professor Hélio Maia (Bultrins), Ana Paula Severo, comemorou a oportunidade de acompanhar a apresentação. Segundo ela, é uma oportunidade de se adequar às modernidades e novas técnicas ano após ano.

“Adoro me capacitar, formar professores e me instruir. Nessa esfera é importante, pois nem todo gestor é formado em educação financeira, que deve vir desde o berço. Se aprendêssemos desde cedo, não teríamos dificuldades hoje. Identifico-me muito com a relação dos PDDE e bancos. Essa capacitação me fez refletir que temos muitas coisas a evoluir”, disse Severo.

Este slideshow necessita de JavaScript.

%d blogueiros gostam disto: