Notícias

Olinda Arte em Toda Parte celebra 10 anos

Evento acontece de 2 a 12 de dezembro nas ladeiras do Sítio Histórico de Olinda, trazendo novidades que chegam para valorizar a iniciativa, como a assinatura do curador Raul Córdula

Publicado por: Secretaria de Comunicação, em: 23/11/10 às 9:17
Olinda Arte em Toda Parte 2010

O 10º Olinda Arte em Toda Parte conta com a presença de um curador, uma das grandes novidades do evento - Arte: divulgação

Olinda, a cidade que imprimiu no mapa um jeito particular de ser a partir de seus artistas, tem este ano mais motivos para comemorar. Chega à 10ª edição o Olinda Arte em Toda Parte, evento que abre as portas anualmente das ladeiras do Sítio Histórico, convidando o público a conhecer o trabalho de quem respira arte o ano inteiro, sob o teto de um charmoso casario colonial. Com a participação de 76 ateliês e 231 artistas e artesãos, a iniciativa será realizada de 2 a 12 de dezembro de 2010, pela Prefeitura de Olinda, por meio da Secretaria de Patrimônio e Cultura. Oficinas, palestras, festas, mostras, atividades culturais e um roteiro gastronômico temático estarão na programação.

“Com esse espírito generoso, a cidade e seus artistas convidam os moradores, visitantes e turistas para conhecer algo ainda mais valioso do que seu ambiente de trabalho, sua produção artística e suas técnicas”, afirma o Prefeito de Olinda, Renildo Calheiros.

Para celebrar os seus dez anos de história, o Olinda Arte em Toda Parte preparou várias novidades. A principal delas é a presença, pela primeira vez no evento, de um curador, que chega para dar fôlego à iniciativa, valorizando-a ainda mais. Raul Córdula, paraibano radicado em Olinda, foi o escolhido pela Prefeitura de Olinda para pensar a curadoria, a partir de um olhar que perpassa a elaboração do catálogo e de uma exposição comemorativa, que vai ocupar três espaços da Cidade Alta.

Até o ano passado, o evento não focava em critérios conceituais para selecionar os artistas. O crivo das inscrições era que os interessados em participar do catálogo tivessem ateliê permanente no Sítio Histórico de Olinda. Já se quisesse participar do roteiro de ateliês bastava se inscrever e comprovar a atuação na área. A estratégia habitual não sai de cena, mas vem se somar a um olhar respeitoso e generoso de um artista e crítico gabaritado como é Raul Córdula, que procurou dar um norteamento maior à realização da iniciativa.

Tanto o catálogo quanto a exposição são costurados pelo tema do evento este ano: Cidade do Artista. O mote batiza uma década do Olinda Arte em Toda Parte com uma homenagem oportuna às gerações de pais e filhos artistas que transformaram o Sítio Histórico em um celeiro genuíno de criatividade no mundo. São pintores, gravadores, escultores, desenhistas e talhadores que, diante de tantos adjetivos que cabem em Olinda, fazem dela uma Cidade do Artista, com todas as letras maiúsculas. Nomes que, seduzidos pelos encantos do lugar, fincaram raízes e construíram famílias. As mesmas que ajudaram a reerguer a cidade, quando ainda se encontrava tomada por ruínas, entre os anos de 1960 e 1970. “Poucos lugares no mundo têm o privilégio de ser uma cidade onde vivem famílias de artistas plásticos por mais de uma geração como é Olinda”, enaltece Córdula, que vale lembrar, foi também autor do texto do primeiro catálogo do Olinda Arte em Toda Parte, em 2001.

“Essas famílias de artistas plásticos estão entre os que ajudaram a construir com cores, texturas e os mais diversos traços, a identidade e o imaginário da cidade Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade”, exalta o Prefeito de Olinda.

Exposição comemorativa

Foi de Raul Córdula a ideia de homenagear os “fundadores” e os “herdeiros” da arte olindense, como ele chama, festejando as gerações que criaram a cara de Olinda. Para tanto, o curador concebeu uma exposição comemorativa, que vai ocupar três espaços da Cidade Alta: o salão do Mercado da Ribeira, o hall de entrada da casa de Giuseppe Baccaro (onde funcionava o famoso Ateliê Coletivo de Olinda, do qual o próprio artista italiano fez parte) e o salão da Prefeitura de Olinda.

O Mercado da Ribeira (Rua Bernardo Vieira de Melo, s/n°, Ribeira, Olinda/PE) e a antiga sede do Ateliê Coletivo de Olinda (Rua de São Bento, 239, Varadouro, Olinda/PE) vão receber a mostra dos herdeiros, com trabalhos dos 22 filhos de artistas convidados. No primeiro, vão expor talentos com perfil contemporâneo, como Juliana Notari, filha do designer João Roberto Peixe, que também participa da mostra (dos pais). Já o segundo espaço abriga obras de herdeiros que materializaram suas criações em suportes mais tradicionais, como pintura, escultura, desenho e gravura. É o caso de Marcelo Peregrino, filho de Gilvan Samico, o célebre gravador pernambucano. Samico expõe uma de suas famosas gravuras no salão da Prefeitura de Olinda (na Rua de São Bento, 123, Varadouro, Olinda/PE), lugar onde também estarão os demais veteranos. Todos, afinal, filhos de Olinda.

O projeto expográfico é assinado pela artista plástica e museógrafa Amélia Couto.

Catálogo renovado

Além de conceber a exposição dos dez anos do 10° Olinda Arte em Toda Parte, Raul Córdula pensou ainda o catálogo a partir de um olhar curatorial. Funcionando como um cartão de visitas dos artistas que vivem no Sítio Histórico, a publicação foi dividida este ano em dois volumes – ambos em um formato quadrado.

O primeiro catálogo abriga os inscritos no evento e o segundo, as gerações homenageadas de pais e filhos. Com trabalhos de 134 artistas e artesãos, o Volume 1 segue a concepção habitual, com a diferença de que nesta edição foi dividido em quatro capítulos, de acordo com a técnica utilizada (Pintura, Pintura Folclórica/naïf, Assemblage/bricolage e Escultura), para facilitar a visualização. Já o Volume 2 apresenta os trabalhos da exposição, com obras dos 18 fundadores e 22 herdeiros.

Programação em toda parte

O 10° Olinda Arte em Toda Parte também vai trazer outras novidades em sua programação. O roteiro gastronômico, por exemplo, chega incrementado com menus que dialogam com as artes plásticas e incluem entrada, prato principal e sobremesa em um único valor (geralmente individual). Ao todo, são 14 restaurantes participantes, funcionando durante os dez dias do evento, com almoço e jantar.

Outra novidade é o enfoque este ano na formação. Oficinas e palestras vão tomar o Sítio Histórico, somando-se às ações comemorativas. Uma das palestras, por exemplo, vai contar com a participação especial da artista contemporânea Marilá Dardot, filha de Liliane Dardot, que viveu em Olinda e fez parte da Oficina Guaianases de gravura. Ambas estarão expondo na mostra concebida por Raul Córdula, que também participa da conversa com Marilá. Já as oficinas serão realizadas no Parque do Carmo. Estão confirmadas aulas com artistas como Tiago Amorim, Karina Agra, Antônio Mendes e Joelson.

Festas e atividades paralelas também animam a programação ao longo do evento. A abertura acontece no dia 2 de dezembro, às 19h, na Prefeitura de Olinda, com a presença de artistas e autoridades. Na solenidade, aberta ao público, será feita uma homenagem a Tereza Costa Rêgo, Sérgio Rezende, Luciana Santos e João Falcão, que ajudaram a criar a iniciativa, em 2001.

O Olinda Arte em Toda Parte é uma realização da Prefeitura Municipal de Olinda, por meio da Secretaria de Patrimônio e Cultura, com patrocínio da Empetur e do Governo do Estado de Pernambuco, por meio da Secretaria de Turismo e Lei de Incentivo à Cultura – Brasil, um País de Todos. Conta ainda com o apoio da Gráfica Santa Marta, vinhos Rio Sol e Ateliê Produtora.

Serviço

10° Olinda Arte em Toda Parte
Quando: De 2 a 12 de dezembro de 2010.
Onde: Nas ladeiras do sítio histórico de Olinda, em Pernambuco, Brasil. Acesso gratuito.
Site: www.olindaarteemtodaparte.com.br

Veja mais

%d blogueiros gostam disto: