Notícias

Olinda comemora o Dia do Maracatu

Palco de incontáveis apresentações do ritmo e sede de mais de uma dezena de grupos, o município comemora a data com solenidade no Palácio, desfile de cortejos, seminários e oficinas

Publicado por: adminolinda, em: 26/07/11 às 11:39
Dia Estadual do Maracatu em 2009. Foto: Passarinho/Pref.Olinda

Comemoração do Dia Estadual do Maracatu em 2009. Foto: Passarinho/Pref.Olinda

A importância do Maracatu na cena cultural Pernambucana ganhou justo reconhecimento ao se instituir o Dia Estadual do Maracatu, em 1º de agosto. E Olinda, palco de incontáveis apresentações do ritmo e sede de mais de uma dezena de grupos, comemora a data com sessão solene no Palácio, desfile de cortejos, seminários e oficinas. Os eventos são uma realização da Prefeitura de Olinda, por meio da Secretaria de Patrimônio e Cultura, em conjunto com o Instituto de Cooperação Econômica Internacional (ICEI), o Maracatudo Nação Camaleão e a Associação dos Maracatus de Olinda (AMO).

Para a solenidade no Palácio, a se realizar às 18h, haverá a apresentação de grupos de maracatu olindenses. Leão Coroado, Maracatudo Nação Camaleão, Badia, Maracatu Nação Estrela de Olinda, Maracambuco, Axé da Lua e Nação de Luanda já confirmaram presença juntamente com algumas batucadas e outros representantes do ritmo. Eles sairão em cortejo do Palácio, se dividindo pelas principais ruas e tomando, assim, o Sítio Histórico com o som marcado das alfaias.

Antes disso, porém, o Auditório da Faculdades Integradas Barros Melo/Aeso (Rua de São Bento, nº 200) receberá o mundo do maracatu olindense no dia 29/07, a partir das 16h. Entre oficinas e rodas de diálogos, a importância do ritmo para Pernambuco, assim como sua influência na cultura, e seu futuro são temas a ser discutidos. Liderando a conversa estará o Mestre Afonso do Leão Coroado (um dos grupos mais antigos, com 145 anos), a historiadora do Arquivo Público Neide Santana, um representante da Sepac e mestres do maracatu olindense.

Oficinas de Alfaias, Ganzás e Gonguês também serão ministradas nesse mesmo dia pelos grupos de maracatu de Olinda, no intuito de envolver crianças e jovens das comunidades, estimulando o sentimento de pertença dessa arte.

O Dia Estadual do Maracatu foi instituído em 1997. Despertar o conhecimento dessa expressão cultural para os próprios moradores da cidade e levar a roda de conversa ao âmbito civil e acadêmico faz com que a marca do maracatu perdure. A resistência do ritmo, por meio de vitórias e conquistas populares, mostra a importância da cidadania como ferramenta da cultura.

SERVIÇO

Dia Estadual do Maracatu em Olinda

29/07 (sexta)

Seminários e oficinas no Auditório da Faculdades Integradas Barros Melo/Aeso (Rua de São Bento, nº 200)

16h – Abertura

16h30 – Roda de diálogo: Origem, História e Protagonistas da arte do Maracatu

17h30 – Roda de diálogo: O Maracatu como um Patrimônio Imaterial, propostas de ações e projetos de preservação dessa singularidade do nosso Estado

18h15 – Oficinas: Alfaias, Ganzás e Gonguês e suas Damas de Paço, Reis e Rainhas do Maracatu. Uma mostra dos vestuários e instrumentos utilizado pelos Maracatus

19h15 – Homenagem aos Maracatus

20h – Encerramento

01/08

Encontro de maracatus de baque virado na Praça Monsenhor Fabrício, em frente à Prefeitura de Olinda

Realização
Prefeitura de Olinda, ICEI Brasil, Maracatudo Nação Camaleão e AMO (Associação dos Maracatus de Olinda)

Apoio
Regione Lombardia, Cooperazione Italiana, Olinda Artes e Projeto Turismo da Gente

%d blogueiros gostam disto: