Notícias

Olinda economiza até 60% dos custos com manutenção de escolas

Secretaria de Educação utiliza mão de obra de reeducandos

Publicado por: Redação da Secom, em: 04/02/19 às 18:05

            Serviços de pinturas externas, internas, grades, capinação, reparos hidráulicos, elétricos e manutenção de ventiladores. Todos esses serviços estão sendo realizados nas escolas municipais de Olinda por reeducandos do sistema prisional do Estado. O projeto Educação em Ação é fruto de uma parceria entre a Prefeitura de Olinda, por meio da Secretaria de Educação, Esportes e Juventude, com a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, através da Secretaria de Ressocialização (Seres).

            Nestas férias nove escolas municipais, de sete bairros, receberam pinturas e manutenção preventivas as escolas: Coronel José Domingues (Ouro Preto); Reverendo Julião Ferreira (Alto Nova Olinda); 19 de Setembro (Águas Compridas); Allan kardec (Salgadinho); Alberto Torres (Águas Compridas); Cleide Betânia do Amaral (Águas Compridas); Ageu Magalhães (Vila Popular); Gregório Bezerra (Jardim Atlântico) e Dom João Costa (Bultrins).

Cada reeducando recebe do município um salário mínimo sem descontos em folha. Foto: Secretaria de Educação / Divulgação

 Economia de 60% no valor gasto de manutenção

            Cada reeducando recebe do município um salário mínimo sem descontos em folha. Os valores são repassados para Secretaria de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, que efetua o pagamento. A cada três dias trabalhados, um dia é reduzido da pena do reeducando. Iniciativa desta natureza contribui para o processo de reinserção dos reeducandos na sociedade e colabora com o desenvolvimento e economia dos recursos públicos. A contratação desta mão de obra sai em média 60% mais em conta se os mesmos serviços fossem realizados por uma empresa terceirizada.

Início do Ano Letivo

              Nesta quinta-feira (07/02) começa o ano letivo com o tema “Olinda: Patrimônio que Educa”. A temática é fruto da prioridade exercida pela gestão do prefeito Professor Lupércio com ênfase na história da cidade. De acordo com dados do anuário Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil, da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Olinda foi o município de Pernambuco que mais investiu na pasta. Em 2017 investiu R$ 128,5 milhões em educação, um aumento de 12,6% em relação aos R$ 114,2 milhões gastos em 2016. De acordo com a Secretaria de Educação do Município, no ano passado a Prefeitura aumentou suas aplicações na educação, injetando mais R$ 17 milhões em relação à 2017. O investimento total foi de R$ 145 milhões em 2018, 12% a mais comparando com 2017 e 24% se comparado com 2016.

%d blogueiros gostam disto: