Notícias

Olinda participa de projeto piloto para prevenção da anemia

O programa será implantado nos PSFs de Bonsucesso, Amaro Branco, Jardim Atlântico, Jardim Fragoso e Varadouro

Publicado por: adminolinda, em: 01/06/12 às 18:30
Gestores discutiram implantação do projeto para prevenção da anemia no município - Foto: Secretaria de Saúde de Olinda.

Gestores discutiram implantação do projeto para prevenção da anemia no município - Foto: Secretaria de Saúde de Olinda.

Esteve na manhã desta quarta-feira (23), na sede da Secretaria de Saúde de Olinda, um grupo de pesquisadores e coordenadores do Estudo de Fortificação Caseira da Alimentação Complementar (ENFAC), do Ministério da Saúde (MS). O objetivo do encontro foi formalizar a parceria na implantação de projeto piloto que visa aplicar uma nova estratégia de suplementação proposta para crianças lactentes (seis meses a dois anos) em todo Brasil.

A nova estratégia de suplementação propõe substituir o xarope de sulfato ferroso, atualmente utilizado, por um sachê rico em vitaminas e sais minerais que será oferecido diariamente na alimentação das crianças durante 60 dias (tempo que durará o estudo) como forma preventiva de anemia.

Olinda representará o Nordeste na implantação deste estudo decorrente de uma política de Saúde voltada para o fortalecimento da Atenção Básica com uma cobertura para além de 70% da Estratégia Saúde da Família, sobretudo, por ter uma organização planejada e de georreferênciada em diversos programas de saúde. Além de Olinda, mais três municípios brasileiros (Goiânia, Porto Alegre e Rio Branco) foram contemplados pelo projeto piloto.

O Estudo avaliará o efeito desta estratégia em diferentes realidades, já que são fortemente influenciadas pelas condições sociais e culturais, e comparados os resultados nos dois modelos de Atenção Básica vigentes no país (Tradicional e Estratégia Saúde da Família).

O Encontro contou com a participação da secretária de Saúde do município, Tereza Miranda; da coordenadora de Nutrição de Olinda, Vilma Cerqueira; bem como da coordenadora nacional do programa, a professora do Departamento de Nutrição da USP, Marly Augusto Cardoso e dos professores do Departamento de Nutrição da UFPE, Pedro Israel Cabral de Lira e Leopoldina Sequeira.

ESTRATÉGIA – Inicialmente, cinco equipes de  Saúde da Família (USFs Bonsucesso, Amaro Branco, Jardim Atlântico, Jardim Fragoso e Varadouro) serão capacitados no intuito de orientar às mães e cuidadores sobre a nova estratégia de prevenir a anemia.

%d blogueiros gostam disto: