Notícias

Portadores de vírus HIV/AIDS visitam Oficina Brennand

Passeio das pessoas que fazem parte do grupo de adesão da Coordenadoria DST/AIDS faz parte do trabalho de terapia para melhorar a auto-estima

Publicado por: Secom, em: 29/09/11 às 13:24
Oficina Brennand. Foto: Everaldo Vilela

Vista da Oficina Brennand. Foto: Everaldo Vilela

Arte para sair da rotina. Foi com esse objetivo que a Secretaria de Saúde de Olinda, através da Coordenação de DST/AIDS, levou um grupo de oito pessoas portadoras do vírus da AIDS para visitar a oficina do artista plástico Francisco Brennand, na Várzea, na manhã dessa quarta-feira (28).

A assistente social da equipe de Olinda, Graça Lobo, comentou a importância dessas pessoas saírem da rotina, “Aqui eles têm acesso a um universo diferente, ficam em contato com a natureza”, disse, destacando que o convívio com outras pessoas também contaminadas é importante para que saibam que não estão sozinhas.

Para M. R, 34, que convive há três anos com o vírus, o passeio afasta das preocupações do dia-a-dia, “Ficar em contato com a natureza, e com outras pessoas que tem a mesma doença, é importante nesse convívio com o grupo”, pontuou.

GRUPO DE ADESÃO – Fazem parte do grupo pacientes indicado pelos médicos a uma assistente social, que por sua vez encaminha essas pessoas a uma equipe interdisciplinar da Coordenadoria de DST/AIDS. A principal finalidade é fazer com que os portadores do vírus HIV se aceitem, bem como prepará-las para o convívio diário com a doença.

Durante as reuniões, que acontecem a cada quinze dias, eles trocam idéias sobre a patologia, realizam oficinas sobre hepatite, têm informações sobre o tratamento, novos medicamentos e ajuda para melhorar a auto-estima.

%d blogueiros gostam disto: