Notícias

Praia de Casa Caiada conta com novas lixeiras

O trecho foi escolhido para a colocação dos equipamentos devido à grande circulação de pessoas. A limpeza da Orla acontece duas vezes ao dia, de domingo a domingo

Publicado por: adminolinda, em: 20/08/15 às 16:28
20 lixeiras de ferro foram instaladas na Orla de Casa Caiada. Foto: Luiz Fabiano/Pref.Olinda

20 lixeiras de ferro foram instaladas na Orla de Casa Caiada. Foto: Luiz Fabiano/Pref.Olinda

Novas lixeiras começaram a ser implantadas, na Orla de Olinda, na manhã desta quinta-feira (20). A ação é uma iniciativa da Secretaria de Serviços Públicos do município para ampliar a limpeza no trecho que vai do Colégio Dom ao Hotel Quatro Rodas, em Casa Caiada. Até o fim do mês, 60 equipamentos serão instalados no calçadão e, em mais 30 dias, outros 60 estarão disponíveis na faixa de areia.

As lixeiras são idênticas às que foram implantadas no Sítio Histórico e em outros bairros da cidade. Elas são feitas de ferro e chumbadas no chão, mesmo modelo usado nas ruas de Paris, para evitar a ação de vândalos. “Começamos por este trecho porque é a área onde há um maior fluxo de pessoas. Logo há uma demanda maior. Outras lixeiras já haviam sido instaladas aqui, mas foram depredadas. Acreditamos que estas terão uma vida útil maior”, disse o secretário de Serviços Públicos de Olinda, Manoel Sátiro.

Nesta quinta-feira, 20 novas lixeiras foram colocadas no calçadão da Orla. Segundo o secretário, até o final deste mês de agosto, outras 40 estarão à disposição da população, totalizando 60. “Logo em seguida, iniciaremos a confecção de lixeiras de concreto que serão instaladas na faixa de areia. Serão outras 60 que estarão em pares e sinalizadas para lixo orgânico e reciclável”, disse Sátiro.

A limpeza da Orla de Olinda é realizada duas vezes ao dia, de domingo a domingo. Duas equipes se revezam no trabalho, uma na parte da manhã e outra no turno da tarde. “Com estas novas lixeiras, pedimos a ajuda da população para que não joguem lixo na rua. Procurem a lixeira mais próxima e depositem seu lixo para o correto descarte deste material”, concluiu o secretário.

Veja mais

%d blogueiros gostam disto: