Notícias

Prefeitura realiza evento em alusão ao Dia D de combate às arboviroses

Foram distribuídos impressos educativos que mostram atitudes preventivas de proliferação dos mosquitos

Publicado por: Marcos Oliveira, em: 06/12/19 às 12:47

Por Pedro Morais e Jeovanni Cipriano 

Para marcar a data alusiva ao Dia “D” de Combate ao Mosquito Aedes aegpyti”, a Secretaria de Saúde de Olinda, por meio do Centro de Vigilância Ambiental do município (CEVAO), realizou na manhã desta sexta-feira (06.11) duas ações para chamar a atenção dos olindenses no combate das arboviroses.

Equipes do CEVAO estiveram na Escola Municipal Dona Brites de Albuquerque, Rua Cleto Campêlo, Bairro Novo; na unidade Programa Saúde da Família Vila Popular. Na ocasião, foram distribuídos impressos educativos que mostram atitudes preventivas de proliferação dos mosquitos e a propagação de doenças causadas pelo vetor.
De acordo com a coordenadora de Vetores do município, Renata Ramos, a atividade tem o objetivo de alertar a todos sobre a responsabilidade desse combate.

“O agente de endemias tem um trabalho extremamente importante para evitar a proliferação da dengue. Porém, todos são fundamentais nessa luta. Um copo d’água jogado na rua, um recipiente mal tampado, pode aumentar os indicadores das doenças causadas pelo mosquito. Por isso, realizamos diariamente um trabalho de conscientização dos moradores”, ressalta.

As atividades acontecem em um período de maior ocorrência da dengue, que é o verão. A prefeitura vem reforçando seu trabalho na luta contra as arboviroses, como exemplo o Comitê Intersetorial de Combate às Arboviroses que é uma das prioridades do prefeito de Olinda, Professor Lupércio. O grupo tem como objetivo de articular ações de combate ao mosquito Aedes aegypti e as doenças como dengue, zika e chikungunya.
“Esse evento promovido pela prefeitura foi importante para conscientizar a comunidade. Nunca tive dengue, mas sei que o trabalho realizado pelos agentes é peça fundamental na luta contra a dengue”, conta a doméstica, Solange Amaro.

A ação dentro do ambiente escolar serviu para conscientizar a garotada de que eles são multiplicadores desse combate. “É fundamental a gente conscientizar as crianças deste cedo. Fazemos um trabalho diariamente com os alunos sobre as formas de prevenção para combater esse mosquito”, conta a vice-diretora da escola Brites Albuquerque, Fabiane Vasconcelos

Este slideshow necessita de JavaScript.

%d blogueiros gostam disto: