Notícias

Presépio gigante abre Ciclo Natalino de Olinda

Um presépio gigante instalado em toda a encosta do morro da Praça do Carmo é o grande destaque da programação de Natal da Prefeitura de Olinda. O lançamento será nesta quarta-feira (19), às 18h, na Praça do Carmo

Publicado por: Secretaria de Comunicação de Olinda, em: 18/12/12 às 14:30
Presépio impressiona pelo tamanho das peças que chegam a mais de dois metros de altura. - Foto: Chico Santiago/Pref.Olinda

Presépio impressiona pelo tamanho das peças que chegam a mais de dois metros de altura. – Foto: Chico Santiago/Pref.Olinda

Inspirado na tradição dos bonecos gigantes de Olinda, o presépio surge como uma festa visual na encosta do morro da Praça do Carmo, marcando o imaginário da cidade com uma celebração tão autêntica quanto a cultura que a batiza. Reunindo mais de 130 peças, a instalação cenográfica é a maior do Brasil de que se tem notícia até hoje.

O presépio foi concebido e realizado pelo encenador, designer e bonequeiro Fernando Augusto Gonçalves, do Mamulengo Só-Riso, que apresenta uma obra minuciosa e espetacular. “Sempre montei presépio na minha casa. Olinda é um berço de presépios. Eles ao serem montados no Convento de São Francisco de Olinda deram, posteriormente, origem ao pastoril e ao mamulengo”, conta Fernando Augusto, que também já assinou outros projetos cenográficos da Prefeitura de Olinda, como o do Carnaval.

O presépio é a mais ousada de suas criações alegóricas. Bonecos de 2 a 7 metros de altura compõem a grande cena, que recebe uma iluminação toda especial, além de uma trilha sonora com canções natalinas para serem ouvidas pelo público em toda a Praça do Carmo. Coloridas e cheias de brilho, as esculturas foram confeccionadas com isopor e revestidas de fibra de vidro, resina, poliuretano, massa plástica e tintas de pigmentos serigráficos.

Entre as figuras que compõem o presépio gigante estão personagens centrais da tradição natalina: José, Maria, o Menino Deus e os três Reis Magos, além de animais simbólicos da religião cristã, como camelos e pássaros. “Não existe uma forma tradicional de se fazer presépio. O presépio assume o feitio e os traços de sua cultura local. Existe em toda parte do mundo, de todas as formas. No Japão, os olhos são puxados. Na África, as figuras são negras e por aí vai”, explica Fernando Augusto.

O presépio gigante de Olinda fica montado na Praça do Carmo até o dia 6 de janeiro de 2013 (Dia de Reis).

Serviço:

Lançamento do Presépio Gigante de Olinda
Quarta, dia 19, às 18h00
Praça do Carmo

%d blogueiros gostam disto: