Notícias

Programa Saúde na Escola de Olinda representa país em Cuba

Experiência do Programa Saúde na Escola do município será apresentada em seminário

Publicado por: Secom, em: 29/03/10 às 14:58
Escovódromo na Escola Coronel José Domingos - Programa Saúde na Escola

O escovódromo da Escola Coronel José Domingos faz parte do Programa Saúde na Escola. Foto: Passarinho/Pref.Olinda

Apresentar o modelo do Programa Saúde na Escola no Seminário sobre Promoção e Educação para a Saúde no Âmbito Escolar. Esse foi o motivo da ida a Havana, Cuba, da secretária de Saúde de Olinda, Tereza Miranda, juntamente com a coordenadora do Ciclos da Vida do município, Josilene Félix, que representam o Brasil neste encontro de intercâmbio de experiências.

O evento começa nesta segunda (29) e termina sexta-feira (2), no Centro de Convenções Pedagógica da Cidade de Havana, em Cuba, destinado para profissionais e estudantes interessados no fortalecimento das escolas promotoras da saúde escolar, universitária e trabalhadores da rede de ensino.

O seminário é promovido pelo Instituto Pedagógico Latinoamericano e Caribeño (IPLAC), o Centro Nacional de Promoção e Educação para a Saúde de Cuba (CNPES), além do Ministério de Educação (MINED) e o Ministério de Saúde Pública (MINSAP) da República de Cuba.

O evento conta com a cooperação da Organização Panamericana da Saúde (OPAS/MS), Fundo da População das Nações Unidas (UNFPA), Programa das Nações Unidas para o Desarrollo (PNUD) e a Associações dos Pedagogos de Cuba.

PSE EM OLINDA – O Programa Saúde na Escola em Olinda, implantado desde 2009, vem permitindo experimentar novas maneiras de ampliar o acesso dos estudantes as ações e serviços de saúde e encaminhar as políticas públicas de educação e saúde.

Na articulação de saberes, a participação dos diversos atores tem sido fundamental para o desenvolvimento do Programa, permitindo estabelecer canais de comunicação que garantam o desenvolvimento das ações de forma a ampliar o alcance e o impacto dessas aos estudantes e suas famílias.

A transferência de recursos financeiros, didáticos e de equipamentos com a implantação do PSE, pelo Ministério da Saúde, foi muito importante para o município desenvolver uma proposta de implementação de ações e serviços de saúde no ambiente escolar. A possibilidade de utilizar os recursos disponíveis de forma organizada favorece o alcance de resultados mais satisfatórios à saúde dos estudantes.

Impõe-se ainda muitos desafios na atenção à saúde dos escolares, principalmente para ampliar o acesso a consulta médica básica (avaliação clínica) pelas equipes do Saúde da Família.
A ampliação do diálogo, através da implantação dos Comitês e Núcleos de Monitoramento pode criar processos de participação de estudantes, profissionais e pais, permitindo que a voz destes sejam ouvidas, possibilitando mudanças na organização da atenção a saúde dos escolares.

Ações desenvolvidas pelo PSE em Olinda

  • Elaboração de Projeto de Implantação dos Escovódromos com orçamento, em todas as escolas, implantando inicialmente em 02 escolas como piloto e tendo como meta a implantação em 100% das escolas do PSE. Os professores tiveram orientações com uma odontóloga sobre saúde bucal, apresentação do kit bocão e disponibilização de escova e creme dental para todas as crianças. Os conteúdos foram trabalhados com os alunos e esses fizeram, no lançamento do equipamento, uma exposição de material trabalhado durante a semana na sala de aula, além de apresentação de grupos culturais da própria escola.
  • Inclusão das Principais Endemias do Município na pauta de planejamento das oficinas do PSE, na perspectiva de que os escolares possam ser multiplicadores de informação na escola, na família e na comunidade, através de experiências protagonistas.
  • Discussão e elaboração de proposta para saúde do educador, em conjunto com a Coordenação de Saúde do Trabalhador e Grupo de Apoio aos Profissionais de Educação(GAPE) da Secretaria de Educação.
  • Capacitação de profissionais de educação e saúde no tema Gravidez na Adolescência.
  • Atendimento as demandas das Escolas com temas referentes à Saúde, realizando palestras com algumas escolas que solicitaram, sobre a gripe H1N1, endemias, gravidez na adolesc|ência, DST/AIDS e consultas oftalmológicas.
  • Distribuição dos kit’s bocão nas escolas e unidades de saúde do PSE, que possuem Equipes de Saúde Bucal, totalizando 49 kit’s que passaram a fazer parte das atividades educativas de professores e dentistas nas escolas.
  • Avaliação Nutricional de Escolares do PSE – Foram disponibilizados 20 balanças e 20 equipamentos de avaliação nutricional e 39 álbuns seriados sobre Vida Saudável para as escolas e unidades de saúde. Para a avaliação dos alunos nas escolas foram envolvidas 03 nutricionistas do NASF, 02 da Secretaria de Educação e estagiárias, formando um grupo de 07 profissionais que estão atuando nas escolas; A ação teve início na Escola Municipal Norma Coelho, e se estendeu a mais 08 escolas do Programa, realizando exposição dialogada com os alunos e avaliação de todas as turmas de estudantes da escola, perfazendo um quantitativo de mais de 1.000 alunos das escolas.
  • Agendamento preferencial a alunos que necessitavam de consulta oftalmológica e que foram identificados nas escolas, totalizando 30 pacientes.
  • Visitas técnicas com arquiteto e dentista para a elaboração do projeto arquitetônico do escovódromo nas 20 escolas do PSE.
  • Realização de 04 sensibilizações para os Núcleos de Monitoramento do PSE referente a Saúde Bucal.
  • Realização de 06 Oficinas de Escovação com os escolares nas Unidades de Ensino Coronel José Domingos da Silva e 12 de Março.
  • Realização de 04 palestras para pais e professores sobre Saúde Bucal nas escolas Coronel José Domingos da Silva e 12 de Março.
  • Disponibilização de 20 balanças, 40 materiais didático sobre Vida Saudável e 20 equipamentos de avaliação nutricional para as escolas.
  • Realização de 04 sensibilizações para os Núcleos de Monitoramento do PSE referente a Alimentação Saudável.
  • Realização de 04 sensibilizações para os Núcleos de Monitoramento do PSE referente a Prevenção da Violência contra crianças e adolescentes.
  • Realização de 04 sensibilizações para os Núcleos de Monitoramento do PSE referente a Filariose.
  • Realização de 06 Oficinas para os alunos referente à Educação sexual com distribuição de camisinhas das escolas Pastor David R. Blackburn, E. M. Alberto Torres; E. M. Alto Sol Nasecente; E. M. Antônio Correia da Silva; E. M. Ministro Marcos Freire; E. M. Professora Cleide Betânia do Amaral.
  • Realização de 01 oficina sobre as DST/ AIDS e 01 oficina sobre gravidez na adolescência junto com 40 educadores do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil.
%d blogueiros gostam disto: