Notícias

Projeto de requalificação da Presidente Kennedy é apresentado para a população

O plano engloba drenagem, construção de calçadas e retirada das paradas de ônibus para o lado direito da via

Publicado por: Secom, em: 16/10/19 às 16:26

A apresentação aconteceu no auditório da Prefeitura de Olinda na noite da última terça-feira (16.10) – Foto: Sandro Barros / PMO

Cortando diversos bairros de Olinda, a Av. Presidente Kennedy é um corredor fundamental para a mobilidade urbana no município de Olinda. Nesta terça-feira (15.10), no auditório da Prefeitura, foi apresentado o projeto de requalificação da via para população, empresários e autoridades. O tema foi amplamente debatido pelo Tribunal de Contas do Estado; Ministério Público de Pernambuco; Associações de Moradores; CDL Olinda e, principalmente, pelos moradores que residem no entorno da avenida.

O plano prevê a realização de drenagem, construção de calçadas e retirada das paradas de ônibus do meio da pista para o lado direito. Ao longo dos mais de 4 km, trafegam 23 linhas de ônibus que atendem mais de 100 mil passageiros, diariamente, sendo um corredor vital para os moradores dos bairros de: Peixinhos; Águas Compridas; Caixa D’ Água; Sapucaia; Sítio Novo; Aguazinha; Alto da Bondade; Alto da Conquista; Vila Popular; São Benedito; Alto Sol Nascente, entre outros.

O plano prevê a realização de drenagem, construção de calçadas e retirada das paradas de ônibus do meio da pista para o lado direito. Ao longo dos mais de 4 km, trafegam 23 linhas de ônibus que atendem mais de 100 mil – Foto: Sandro Barros / PMO

O Prefeito Professor Lupércio reitera a importância da requalificação da via para o município. “Estamos ouvindo de forma bastante democrática todos os atores impactados por essa obra. Esta avenida que já foi um dos principais polos varejistas de autopeças, hoje se desvaloriza e faz o município perder receita. Para mudar essa realidade é que iremos requalificar esta via fundamental para o desenvolvimento da cidade de Olinda”, afirma Lupércio.

A proposta de Lei Autorizatória foi enviada para a Câmara Municipal, no dia 10 de outubro, que terá um prazo de 30 dias para dar um parecer sobre a contratação de empréstimo, via Caixa Econômica Federal no valor de R$ 20 milhões para requalificação.

%d blogueiros gostam disto: