Notícias

Saúde de Olinda apresenta experiências no Seminário Regional Nutes

Equipes da Secretaria de Saúde serão treinados e capacitados para acesso na rede

Publicado por: Secom, em: 19/05/11 às 13:43
Arte: Divulgação/Nutes

Rede Nutes se expande em Olinda - Arte: Divulgação/Nutes

Nesta quinta-feira (19), acontece o Encontro Regional da RedeNutes da I GERES, das 9h às 17h, no Hotel Jangadeiro, Recife. O evento contará com a participação da Secretaria município de Olinda apresentando a experiência de implantação dos serviços de telessaúde na cidade.

Olinda é município parceiro da RedeNutes desde 2008, possuindo dois pontos de telessaúde nas Unidade de Saúde da Família do Varadouro e Vila Manchete. Atualmente, o município tem tido uma intensa participação através de suas equipes de saúde. Por meio da tele-educação e tele-assistência, busca-se uma contínua atualização de seus conhecimentos e melhoria da saúde de sua população adstrita.

Amanhã (20) e nas próximas terças-feiras (24 e 31), a Secretaria de Saúde de Olinda e RedeNutes estarão expandindo esses serviços e oferecendo acesso para todos os profissionais vinculados a ESF do município. Esse encontro será realizado no hotel Costeiro, Avenida beira Mar, Bairro Novo, durante todo o dia.

Dessa forma, cerca de 200 profissionais da rede de atenção básica à saúde serão cadastrados na RedeNutes e treinados para utilização do sistema e, a partir de então,  terão mais uma útil ferramenta de trabalho que poderá subsidiar melhores intervenções de saúde no território. Ao final do mês de maio, contaremos com 100% das ESF, ou seja, 56 ESF habilitadas e treinadas no Programa Telessaúde Brasil.

EXPANSÃO DO ACESSO À REDE

A RedeNutes é uma Rede de Núcleos de Telessaúde que desenvolve atividades de telessaúde para a Estratégia Saúde da Família (ESF). Este projeto está vinculado ao Programa Telessaúde Brasil, do Ministério da Saúde, e é coordenado pelo Núcleo de Telessaúde da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

O principal objetivo é melhorar o nível de resolubilidade da rede pública de saúde. Seu uso adequado poderá conferir qualidade e rapidez aos processos de assistência e educação continuada e, conseqüentemente, promover a educação permanente e o suporte assistencial dos profissionais da ESF, promover integração ensino-serviço entre Unidade de Saúde da Família (USF) e a rede de referência em hospitais-escola do Sistema Único de Saúde (SUS), minimizar encaminhamentos inadequados para as redes de referência – contribuindo para melhorar o sistema de referência e contra-referência, além de melhorar a qualidade da assistência à saúde da população.

O município de Olinda tornou-se parceiro desde 2008, possuindo dois pontos de telessaúde em duas USF. As equipes de saúde têm acesso diário a Seminários por webconferências, segunda opinião à distância (conversa on-line com os especialistas) e a um vasto arquivo digital (biblioteca) com temáticas relacionadas à saúde.

%d blogueiros gostam disto: