Notícias

Secretaria do Orçamento Participativo capacita coordenadores e conselheiros

Primeira etapa da capacitação discutiu o tema "O Estado Brasileiro e os Instrumentos de Participação e Controle Social"

Publicado por: adminolinda, em: 27/05/10 às 14:18
Aproximadamente 70 pessoas participaram do evento - Foto: Secretaria do Orçamento Participativo de Olinda

Aproximadamente 70 pessoas participaram do evento - Foto: Secretaria do Orçamento Participativo de Olinda

Melhorar a interlocução entre o poder público e a sociedade para fortalecer a participação popular nas decisões do Orçamento Participativo (OP). Este foi o principal objetivo do primeiro módulo de estudos da capacitação dos conselheiros, suplentes e coordenadores do OP. O evento foi realizado entre os dias 18 e 20 de maio, no Hotel 5 Sóis, localizado na beira-mar de Bairro Novo.

Aproximadamente 70 pessoas assistiram palestras, participaram de oficinas e receberam camisas personalizadas com a nova marca do Orçamento Participativo, que este ano completa 10 anos de existência no município. Assim, a população terá mais facilidade para identificar o grupo pelas ruas da cidade. “Estamos colocando em prática uma cobrança feita a muito tempo. Os coordenadores e conselheiros reivindicavam essa capacitação e as camisas. Agora estamos contribuindo para que a sociedade civil se integre cada vez mais ao processo do orçamento participativo na cidade”, ressalta o secretário do Orçamento Participativo, Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Júnior Leite.

Para a pedagoga Roberta Sobral dos Santos (suplente do conselho do OP desde 2009 e representante da região que abrange os bairros de Jardim Brasil I e II, Vila Popular, Vila Tamandaré e Sítio dos Arcos), a capacitação foi um momento de inclusão, conhecimento e cidadania. “O primeiro encontro rompeu uma barreira de aprendizado que vinha se arrastando há mais de quatro anos. Foi importante porque fortaleceu nosso elo com a secretaria, afinal somos os responsáveis pela ligação com a comunidade”, pontuou.

CAPACITAÇÃO

Sob o tema “O Estado Brasileiro e os Instrumentos de Participação e Controle Social“, esta foi apenas a primeira etapa da capacitação, que nos dias 9 e 10 do mês de junho terá o primeiro módulo encerrado com uma palestra sobre as competências dos conselheiros no processo do Orçamento Participativo. “A expectativa de todos é que os nossos próximos encontros tragam mais informações, em relação ao município, para melhorarmos os serviços prestados à população”, avalia o relações públicas e supervisor dos coordenadores regionais do Orçamento Participativo de Olinda, Ademar Marques de Melo.

Mais dois módulos estão previstos para os meses de agosto e dezembro deste ano. O segundo módulo irá discutir a problemática urbana e o município com suas características, equipamentos e investimentos em cada Região Político Administrativa (RPA) e o terceiro dará ênfase à legislação e a matriz orçamentária de Olinda.

%d blogueiros gostam disto: