Notícias

Tricampeonato e dobradinha entre irmãos marcam Corrida dos Bonecos Gigantes de Olinda

Terceiro título de William Henrique nos pesados teve seu irmão Bruno Costa como vice. Já Carlinhos Mago foi o campeão nos leves

Publicado por: Redação da Secom, em: 15/02/20 às 12:27

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotos: Thiago Bunzen/ Prefeitura de Olinda

Trinta graus, sensação térmica de 33 ºC, sábado de manhã… Praias lotadas? Piscinas cheias? Algo mais refrescante? Não em Olinda. A manhã deste dia 15 de fevereiro foi de lotação máxima – apesar do calor – no trecho entre o Mercado da Ribeira e sede da Prefeitura Municipal para acompanhar mais uma edição da Corrida dos Bonecos Gigantes, tradição desde 2005. E tudo ficou em casa na categoria principal, a pesada. William Henrique Costa foi o grande campeão pela terceira vez seguida, e seu irmão Bruno Costa ficou com a medalha de prata. Só de premiação, 3 mil reais para a família. Já na disputa entre os leves, Carlos André, o “Carlinhos Mago”, se emocionou ao levar o título e prêmio de mil reais.

O trecho da 16ª Corrida dos Bonecos Gigantes, que teve sua largada no Mercado da Ribeira, tem 400 metros. Ela é realizada pela Prefeitura de Olinda em parceria com Chiarelli Produções e Eventos. A competição nasceu com o objetivo de homenagear quem veste os brinquedos e o confeccionador, Silvio Botelho.

O grande vencedor do dia, o barbeiro de 21 anos William Henrique Costa, o Will, sagrou-se tricampeão, com o boneco que leva o seu apelido. O campeão de 2018 e 2019 levou 2 mil reais. Após cruzar a linha de chegada, a primeira reação foi abraçar seu irmão, Bruno, que ficou em segundo e levou mil reais.

“Treinei demais com o meu irmão correndo na areia da praia, carregando pesos, halteres, simulando os 18 quilos do boneco. É uma sensação muito boa, melhor ainda tendo meu irmão na segunda colocação”, disse o tricampeão. Ao ser questionado sobre o que faria com o prêmio, o vice-campeão interrompeu, aos risos. “Vamos gastar tudo no Carnaval!”, celebrou Bruno. Ambos são moradores de Guadalupe, Olinda.

Se na corrida dos pesados a irreverência e alegria dos vencedores marcaram a comemoração, entre os leves a emoção tomou conta. Carlos André, o Carlinhos Mago, venceu a disputa e levou mil reais para a casa. Ele não conseguiu segurar as lágrimas.

“Esperei tanto tempo para esse momento. Sensação incrível, difícil segurar as lágrimas. É cansativo, duro, mas hoje estou aqui em primeiro. Ano passado tive uns problemas que me fizeram não participar da prova, foi muito duro. Dedico esse prêmio aos amigos que sempre torceram por mim e estiveram comigo nos momentos mais difíceis”, comemorou, emocionado.

Após as duas corridas, houve a entrega dos prêmios: os cheques e medalhas gigantes para os bonecos gigantes. “É muito legal a energia da corrida, a presença do público e a dedicação dos bonequeiros. Todos estão de parabéns. São eles que fazem essa tradição se renovar a cada ano”, comentou o prefeito Professor Lupércio. 

Confira os vencedores 

Leve

1º Carlos André, com o Boneco Dona Rosa – R$ 1.000

2º Cleiton Dias, com o Boneco Cebolinha – R$ 700

3º Alessandro José, com o Boneco Marcarado R$ 500

Pesado

1º William Henrique Costa, com o Boneco Will – R$ 2.000

2º Bruno Costa, o “Gio”, com o Boneco Paixão – R$ 1.000

3º Papa, com o Boneco Fred – R$ 600

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

%d blogueiros gostam disto: