Notícias

Vacinação com ciranda em Olinda

Os terreiros de religiões de matriz africana do município serão postos de imunização

Publicado por: Secom, em: 28/04/11 às 14:43
Vacinação começou segunda-feira em Olinda - Foto: Secretaria de Saúde de Olinda

Vacinação começou segunda-feira em Olinda - Foto: Secretaria de Saúde de Olinda

A Secretaria de Saúde de Olinda participa, neste sábado (30), da 13ª Campanha de Imunização contra Influenza, denominada Dia D de Mobilização Nacional. Uma abertura está sendo organizada pelo PNI/Olinda para ter início às 8h, na praça do 7º RO, na PE-15. A atividade conta com a presença da coordenadora municipal e estadual do Programa Nacional de Imunização (PNI), Lídia de Jesus e Ana Catarina, respectivamente.

No local, que será montada uma tenda para vacinação apenas de idosos e gestantes, a programação começa com café da manhã e, para animar, haverá participação de grupos de idosos, cirandeiros e musical.

Desde segunda-feira (25), 56 unidades de saúde do município, seis policlínicas, além de seis postos extras (Hiper Bompreço e Extra Bom de Bairro Novo, Atacadão na Pan-Nordestina, Terminal Integrado da PE-15 nos dois sentidos – embarque e desembarque -, e sede do INSS) estão atendendo a população.

A campanha de imunização é destinada aos idosos com 60 anos e mais, trabalhadores de saúde que fazem atendimento para a influenza, crianças de seis meses a menores de dois anos, além das gestantes em qualquer idade gestacional. Em Olinda, a expectativa é vacinar 9.470 crianças, 41.310 idosos, 4.170 trabalhadores de saúde e 5.620 gestantes.

Para a coordenadora do PNI de Olinda, Lída de Jesus, a estratégia montada pretende mais uma vez atingir e superar a meta de 80%. “Esperamos atingir as metas estabelecidas pelo Ministério da Saúde. Olinda sempre tem superado as expectativas”, disse otimista a coordenadora.

Ela destacou ainda que no dia D o posto do INSS não funcionará, mas seis terreiros de religiões de matriz africana de Olinda ( São João Batista, em Águas Compridas; Pai Cleytob, em Vila Manchete; Mãe Elza, Salgadinho; Xambá, em São Benedito; e Pai Ivon, em Santa Tereza), em parceria com a coordenação da Saúde da População Negra de Olinda, serão contemplados com a imunização, como uma forma de inclusão social.

%d blogueiros gostam disto: