Notícias

Campanha Maio Amarelo em Olinda envolve as crianças em ações de Educação no Trânsito

A ideia é de que as crianças possam se transformar em multiplicadoras das dicas de segurança para os adultos com quem elas convivem

Publicado por: Redação da Secom, em: 04/05/18 às 16:00

Campanha da Prefeitura de Olinda foi iniciada nesta sexta-feira. Foto: Maíra Correia/PMO

A partir desta sexta-feira (04) até esse domingo (06.05), as crianças que passarem pela Praça de Alimentação do Shopping Patteo Olinda, em Casa Caiada, vão poder brincar na mini pista para bicicletas montada pela Prefeitura de Olinda. A ação integra o lançamento da Campanha Maio Amarelo da Secretaria de Transportes e Trânsito. As atividades educativas e de orientação para evitar acidentes de trânsito serão realizadas nesta sexta e sábado, das 9h às 21h, e no domingo das 12h às 22h.

Com o tema “Nós somos o trânsito”, as equipes de educação no trânsito vão ensinar aos pequenos como se comportar com relação ao trânsito. A ideia é de que as crianças possam se transformar em multiplicadoras das dicas de segurança para os adultos com quem elas convivem. Além das atividades lúdicas, a população também receberá orientações sobre como evitar acidentes.

Ainda como parte das atividades do Maio Amarelo, a Secretaria de Transportes e Trânsito tem emitido, gratuitamente, o Cartão de Estacionamento para idosos, deficientes físicos e outras vagas especiais. O documento pode ser obtido, também no Shopping Patteo, nesta sexta e sábado, das 9h às 17h. Para solicitar a permissão de estacionamento é preciso apresentar identidade, CPF, comprovante de residência e um laudo da deficiência ou da condição especial (gravidez, por exemplo).

Em Olinda, as atividades da campanha “Nós somos o trânsito”, do Maio Amarelo, seguem por todo o mês com cronogramas que envolvem ações educativas em escolas, bares, restaurantes, terminais integrados e semáforos das principais vias da cidade.

MAIO AMARELO – A campanha do Maio Amarelo é promovida anualmente com objetivo de alertar para o grande número de mortes no trânsito. Em 2010, a Assembleia-Geral das Nações Unidas editou uma resolução definindo o período de 2011 a 2020 como a “Década de Ações para a Segurança no Trânsito”. Atualmente, os acidentes de trânsito são os principais responsáveis por mortes na faixa de 15 a 29 anos de idade; o segundo, na faixa de 5 a 14 anos; e o terceiro, na faixa de 30 a 44 anos.

Esses acidentes já representam um custo de US$ 518 bilhões por ano ou um percentual entre 1% e 3% do PIB (Produto Interno Bruto) de cada país. Se nada for feito, a Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 1,9 milhão de pessoas devem morrer no trânsito em 2020 (passando para a quinta maior causa de mortalidade) e 2,4 milhões, em 2030.

%d blogueiros gostam disto: