Notícias

Com atendimento direcionado para MEI, Olinda registra salto de formalização na pandemia

Cidade possui hoje mais de 26 mil microempreendedores individuais

Publicado por: Alice Mafra, em: 03/02/22 às 10:29

O número de formalização de Microempreendedor Individual (MEI) deu um salto em Olinda durante a pandemia e a Prefeitura conta com a Sala do Empreendedor, um espaço preparado para atender este público e fomentar ainda mais a economia local. Antes do período pandêmico, em dezembro de 2019, eram 18.421 MEIs na cidade. Em dezembro de 2021, a Marim dos Caetés contabilizou o salto para 26.801 registrados.

O atendimento da Sala do Empreendedor é gratuito e atende das 8h às 13h, de segunda a sexta, na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Tecnologia, que coordena a iniciativa. Localizada na Avenida Liberdade, 68, Carmo. Telefones: (81) 99103-5359 e  (81) 99615-9255. Todos os protocolos contra Covid-19 são exigidos e seguidos, como uso de máscara e distanciamento social.

É preciso levar identidade, CPF, comprovante de residência, número do título de eleitor e um e-mail válido. Também é necessário estar com o celular para receber o código de acesso. A diretora de Desenvolvimento Econômico de Olinda, Aurora Barreto, explica que a pessoa também pode realizar o procedimento sozinha, pelo:  www.gov.br/empresas-e-negocios/pt-br/empreendedor.

“O nosso atendimento tem o diferencial de estar próximo do candidato a empreendedor, sanando de imediato algumas possíveis dúvidas e trazendo informações importantes dos próximos passos para ficar o empreendimento sempre de forma regular”, disse a gestora.

Os benefícios de se formalizar são diversos. O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresa (Sebrae), que é parceiro da Sala do Empreendedor de Olinda, reforça que quem  se cadastra como MEI, passa a ter CNPJ, ou seja, tem facilidades com a abertura de conta bancária, no pedido de empréstimos e na emissão de notas fiscais, além de ter obrigações e direitos de uma pessoa jurídica.

De acordo com os últimos dados divulgados pelo Sebrae, somente em 2020 foram registrados 2,6 milhões de novos MEI no Brasil. O número é o maior registado nos últimos cinco anos, de acordo com levantamento feito pelo órgão com dados da Receita Federal. O país já conta com mais de 11,3 milhões de MEI ativos.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

%d blogueiros gostam disto: