Notícias

Olinda monta esquema para fiscalizar o fechamento de comércio e serviços na cidade

As medidas adotadas fazem parte do decreto estadual que entra em vigor a partir deste sábado

Publicado por: Redação da Secom, em: 20/03/20 às 18:08

Para cumprir o decreto assinado pelo governador Paulo Câmara, que determina a suspensão de funcionamento de vários estabelecimentos comerciais como bares, restaurantes e lanchonetes, a partir deste sábado (21.03), a Prefeitura de Olinda monta uma operação integrada, envolvendo as secretarias municipais de Segurança Urbana, Meio Ambiente e Planejamento Urbano, além da Defesa Civil da cidade. A ação será em conjunto com a Polícia Militar, na fiscalização das medidas restritivas que estão sendo adotadas a fim de evitar o aumento de casos do novo coronavírus em Pernambuco.

A partir das 7h, do sábado, agentes da Guarda Municipal, Controle Urbano e da Defesa Civil se reúnem na sede da Secretaria de Segurança Urbana e saem para supervisionar esses estabelecimentos em diversas áreas da cidade, além de todo trecho da orla, a começar pela Praia dos Milagres. A determinação é proibir também a prática de esportes coletivos como futebol, vôlei e futevôlei.

O trabalho se estende no domingo, quando é maior o número de frequentadores nas praias. Além disso, comerciantes informais e até lojinhas de artesanato deverão ser fechadas. “Estamos disponibilizando toda nossa estrutura para alertar as pessoas no cumprimento desse decreto do governador e que assim possamos diminuir o risco de contágio da população da nossa cidade”, enfatizou o secretário de Segurança Urbana de Olinda, Cel. Pereira Neto.

Lembrando que, ainda de acordo com o decreto, supermercados, padarias, mercadinhos, farmácias, postos de combustíveis, casas de ração animal, depósitos de água mineral e gás ficam abertos. Além desses estabelecimentos, continuam a funcionar obras e serviços essenciais, como hospital, abastecimento de água, gás, energia e internet.

%d blogueiros gostam disto: