Notícias

Projeto de Futebol de Base Olindense ganha segundo núcleo

O Campo do Atlético, no bairro de Ouro Preto, terá aulas nas terças e quintas para meninos e meninas

Publicado por: Redação Secom, em: 18/11/21 às 10:33

A formação de cidadãos e talentos para o futebol em Olinda ganha mais um reforço nesta quinta-feira (18.11) com a inauguração do segundo núcleo do Projeto de Futebol de Base Olindense da Secretaria Executiva de Esportes, no Campo do Atlético, bairro de Ouro Preto. As aulas serão ministradas nas terças e quintas das 8h às 11h e das 14h às 17h dentro do Programa Base e Rendimento.

O espaço está aberto para meninos e meninas dos 12 aos 18 anos. As inscrições podem ser feitas tanto no próprio campo quanto na Vila Olímpica, em Rio Doce. Para os menores de idade é preciso levar a certidão de nascimento (com cópia), uma foto e documento de identidade do responsável. Os maiores de idade precisam apresentar o documento de identificação.

O Projeto de Futebol de Base Olindense foi retomado em julho, quando os alunos foram recebidos pelo prefeito de Olinda, Professor Lupércio, e tem como objetivo desenvolver a cidadania e identificar talentos que possam ganhar oportunidades de desenvolver seu potencial como atletas.

Os primeiros frutos já começaram a ser colhidos, com seis atletas oriundos do trabalho em Olinda integrados às categorias de base do Santa Cruz Futebol Clube e um já no profissional. Náutico, Atlético Mineiro e Santo André também já contam com atletas formados em Olinda também nas categorias inferiores, além de um em Dubai. Em novembro, outros seis estarão em equipes da Bahia.

Os alunos fazem trabalhos técnicos, táticos e físicos com o professor Arnaldo e profissionais da Rede Municipal de Ensino. Os fundamentos de jogo são aprimorados com as orientações de ex-atletas profissionais ligados à Secretaria Executiva de Esportes.

“Nosso primeiro objetivo é formar o cidadão e tirar as crianças da rua, principalmente nos horários de contraturno das escolas. Mas também disponibilizamos todo treinamento porque muitos são selecionados para testes em algum clube e, mesmo tendo talento, às vezes deixam a desejar no aspecto físico e tático. Esses ex-jogadores ligados à secretaria vão trabalhar no aprimoramento desses fundamentos”, diz o secretário executivo de Esportes de Olinda, Sérgio Santos.

Também é feito um trabalho específico para os candidatos a goleiro. As aulas ficam a cargo do ex-goleiro Albérico nas tardes de quarta e sexta-feira, no Estádio Grito da República.

%d blogueiros gostam disto: