Notícias

Semana Municipal da Pessoa com Deficiência tem início na próxima segunda

"Uma escola para todos" é o tema desta edição

Publicado por: Redação da Secom, em: 16/08/18 às 18:15

Por Pattricia Viviane

A Prefeitura de Olinda realiza, de 21 a 28 de agosto, a Semana Municipal da Pessoa com Deficiência: uma escola para todos. A programação conta com palestras, vivências, passeios, exposições, apresentações musicais e teatrais, que serão realizadas em diversos pontos da cidade.  A abertura oficial da semana ocorrerá no próximo dia 20 de agosto, na Secretaria Executiva de Políticas e Programas Educacionais (SEPPE). Na ocasião, será apresentada uma dinâmica de sensibilização com a equipe pedagógica da SEPPE.

A rede municipal é responsável pelo atendimento de 1.296 estudantes.  No ano de 2018, a Secretaria de Educação registrou um acréscimo de aproximadamente 10%, de acordo com as informações enviadas pelas escolas. Para o Secretário Municipal de Educação, Esportes e Juventude, Paulo Roberto Souza Silva, “Uma Escola pra Todos tem como compromisso a divulgação da luta das pessoas com deficiência no processo do reconhecimento dos seus direitos e da sua cidadania”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A diretora de Programas e Políticas Educacionais e Registro Escolar, Rosa Rodrigues, acrescentou. “Os estudantes com deficiência têm atendimento garantido nas 65 escolas que compõe a rede municipal de ensino, havendo um maior número destes estudantes no ano em curso na escola Municipal Pró-menor, Coronel José Domingos, Claudino Leal, CAIC e Norma Coelho”.

Apesar da inclusão de crianças e jovens com algum tipo de deficiência nas escolas regulares ter aumentado nos últimos anos, são grandes os desafios de preparar os professores para mantê-las na sala de aula com os demais colegas, e de receber as crianças que ainda estão excluídas.  “Até 2017, o apoio em sala de aula acontecia com 220 estagiários, esse ano houve uma ampliação de mais 50 vagas, oportunizando assim, atender as necessidades mais específicas na adaptação desses estudantes em sala de aula, visando o desenvolvimento da interação e aprendizagem”, esclarece a pedagoga Roseane Sá.

Para a Secretária Executiva de Programas e Políticas Educacionais, Edilene Soares, o mais importante para uma criança com deficiência não é aprender o mesmo conteúdo que as outras, mas ter a possibilidade de aprender a colaborar, ter autonomia, governar a si próprio, ter livre expressão de ideias e ver o esforço pelo que consegue criar ser recompensado e reconhecido.

“A escola é a instituição responsável por introduzir a criança na vida pública. E você não pode dizer que esse aqui vai ser introduzido na vida pública e esse não”, diz secretária. “Temos a convicção de que uma política pública se constrói na articulação de diversas ações” explica.  “Com relação à educação inclusiva, damos ênfase a políticas de formação continuada para os professores especializados e para os professores do ensino comum, assim como ao investimento para oferecer condições de acessibilidade necessárias ao acolhimento e à permanência em nossas escolas”, conclui a secretária.

Hoje, a ONU e o governo brasileiro defendem que o lugar de todas as crianças é a escola convencional. O modelo aplicado pela rede pública de ensino é estruturado de forma a manter os alunos com deficiência na sala comum, mas com atividades de apoio individualizadas no contra turno, já que o aluno com deficiência pode ter outro ritmo de aprendizado.

Confira a programação:

  1. Brunch Inclusivo na SEPPE

Segunda-feira, 20 – Manhã

Local: SEPPE

  • Dinâmica de Sensibilização com Equipe Pedagógica da SEPPE;
  • Entrega de material informativo (textos, orientações, sugestões de livros, DVDs);
  • Exibição de Vídeo – Cordas/Momento de reflexão

 

  1. Panfletagem e Divulgação da Programação da Semana – Atividade conjunta com outras secretarias municipais

Terça-feira, 21 – Manhã

Local: Esquina da Rua do Sol com a Praça do Carmo

  • Secretaria de Educação, Esportes e Juventude/Secretaria de Desenvolvimento Social, Cidadania e Direitos Humanos/Secretaria da Saúde/Secretaria de Patrimônio e Cultura/Secretaria de Transportes e Trânsito;
  • Distribuição de Folder informativo pela Divisão com a programação da Semana Municipal da Pessoa com Deficiência;

 

  1. Vivenciando a Semana Municipal da Pessoa com Deficiência na Rede Municipal de Ensino

Quarta a Sexta-feira – 22 a 24 – Manhã e Tarde

Local: Escolas da Rede Municipal de Ensino

  • Professoras de AEE – Rodas de Coversas com Professores das salas regulares;
  • Educação Infantil – Contação de Histórias;
  • Ensino Fundamental – Produções de Frases e Desenhos a partir dos Temas vivenciados;
  • Educação de Jovens e Adultos – Cine Inclusivo (exibição de vídeos e filmes);
  • Palestras em Escolas Polos – Palestrantes convidados.

 

  1. “Uma Escola para TODOS (AS)”

Segunda-feira, 27/08 – Manhã – 9h

Local: Auditório da Prefeitura Municipal de Olinda

  • Encontro com Gestores Escolares visando sensibilização e fortalecimento da inclusão educacional.

 

  1. “Inclusão na Praça” – Atividade conjunta com outras secretarias municipais

Terça-feira, 28/08 – Manhã

Local: Praça da Abolição no bairro do Carmo

  • Secretaria de Educação, Esportes e Juventude/Secretaria de Desenvolvimento Social, Cidadania e Direitos Humanos/Secretaria da Saúde/Secretaria de Patrimônio e Cultura/Secretaria de Transportes e Trânsito;
  • Apresentação com representações de algumas Escolas Municipais, estas serão contactadas pela  Divisão de Inclusão Educacional;
  • Tendas de Cuidados; Massoterapeutas;
  • Divulgação com exibição do projeto de Cinoterapia – Bolinha de Pelo;
  • Divulgação com exibição do trabalho do KENNEL CLUB com cão gia;
  • Divulgação com exibição do trabalho da ONG Cães Doutores;
  • Contação de histórias.
%d blogueiros gostam disto: